quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Curso de Biomedicina da Asces-Unita é eleito o melhor de Pernambuco

O curso de Biomedicina do Centro Universitário Tabosa de Almeida (Asces-Unita) foi apontado como o melhor de Pernambuco entre as instituições privadas, por meio do Ranking Universitário Folha de São Paulo 2019. A avaliação é realizada anualmente e classifica 179 instituições brasileiras, públicas e privadas, a partir de cinco indicadores: pesquisa, internacionalização, inovação, ensino e mercado.
Autorizado pelo Ministério da Educação desde 2003, o curso se consolidou na região por seus diferenciais e formação focada na pesquisa e desenvolvimento profissional dos estudantes. Entre seus principais pontos de destaque, está a possibilidade de que o biomédico saia formado com mais de uma habilitação. É o único curso do Estado que oferece essa característica, tendo sido criado de maneira generalista e com convênios que possibilitam 500 horas de estágio em outra área de habilitação biomédica. 

De acordo com o coordenador do curso, Franklin Barbalho, isso é fundamental para que o aluno saia com um currículo ainda mais qualificado. “O nosso estudante, quando se forma, leva no currículo o histórico com essa vivência, que é reconhecida pelo Conselho Regional de Biomedicina. É um grande diferencial, pois pouquíssimos cursos no Brasil conseguem promover isso. Os alunos saem habilitados para trabalhar nas áreas da saúde pública, biologia molecular, citologia clínica, bromatologia, imagenologia, banco de sangue e análises clínicas”, explica. 
Além disso, as possibilidades de contato com a realidade profissional são várias, pois existem convênios com Secretaria Estadual de Saúde, hospitais, unidades de saúde de todo o Estado, Hemope, além de um laboratório escola de análises clínicas que é referência e oferece serviços gratuitos para a população.
Na área da pesquisa, os frutos do incentivo se evidenciam por meio da presença nos cursos de mestrado. Nos últimos cinco anos, por exemplo, alunos de Biomedicina ocuparam as melhores colocações nas seleções. Este ano, inclusive, há a possibilidade de os três melhores colocados serem da Asces-Unita. Milena Oliveira está concluindo o curso e é uma das que está participando da seleção para o Mestrado do Instituto Aggeu Magalhães - Fiocruz. “O curso foi muito proveitoso, tanto para a minha formação profissional, quanto pessoal. Existe muito incentivo para a produção científica dos alunos, o que auxilia a nos preparar para seleções e concursos”, frisou. 

Alepe nos Municípios visita Surubim

O programa Alepe nos Municípios chegou, na última terça, a Surubim, no Agreste Setentrional. A iniciativa visa aproximar o Poder Legislativo do cidadão e pretende percorrer todo o território pernambucano. O projeto é desenvolvido em parceria com a Secretaria Estadual de Educação e leva conhecimento sobre o trabalho da Casa por meio de palestras, vídeos e atividades lúdicas. O encontro foi realizado na Escola Técnica Estadual Antônio Arruda Farias e reuniu alunos, professores e gestores da unidade de ensino, assim como das escolas Severino Arruda Faria, Natalícia Figueiroa, Ana Faustina e Maria Cecília, além de moradores.
Na abertura, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eriberto Medeiros, do PP, saudou os participantes por meio de um vídeo no qual ressaltou o objetivo de “aproximar a Casa de Joaquim Nabuco do cidadão”. Presente no evento, a deputada Jô Cavalcanti, do mandato coletivo Juntas, do PSOL, também destacou que o projeto da Alepe tem o papel de fazer a ponte entre o Poder Legislativo e a sociedade. É muito importante porque aproxima, né, a gente da população, além do que a gente faz na Casa, os projetos, as audiências públicas, estar em um município é bom porque a gente conhece mais o território, a gente se aproxima mais das questões territoriais”. Ela esteve acompanhada das codeputadas Carol Vergolino, Kátia Cunha e Joelma Karla, esta última natural de Surubim.
Após a apresentação de um vídeo institucional, servidores da Consultoria Legislativa (Consuleg) e da Ouvidoria da Assembleia deram explicações técnicas sobre a Casa. O consultor Bruno Pereira abordou o papel do Poder Legislativo, as atribuições dos deputados estaduais e formas de participação popular. Por meio de um formulário da Ouvidoria Itinerante, as pessoas puderam fazer perguntas, sugestões, reclamações, denúncias e críticas. A funcionária Gabriela Vilela também explicou a importância de os cidadãos acessarem a Ouvidoria pelo site da Alepe. O presidente da Escola do Legislativo, José Humberto Cavalcanti, ressaltou que a ação permite que os moradores dos municípios conheçam o trabalho da Casa de Joaquim Nabuco e o dia a dia da atuação parlamentar.
Depois dos discursos e palestras, os estudantes participaram do Master Legis, um jogo de perguntas e respostas sobre o Poder Legislativo e as atribuições dos parlamentares. O aluno Pedro Vinícius da Silva, da Escola Natalícia Figueiroa, foi o campeão da disputa. O jovem ganhou um tablet, um troféu e um diploma. Os outros quatro concorrentes, Bruna Graziele de Lima, Ézilla Raquel de Lima Soares, José Carlos Henrique Santos e Maxwell Lima, receberam diplomas pela participação.
Também compareceram à sétima edição do Alepe nos Municípios a prefeita Ana Célia, vereadores e secretários do município. A gestora agradeceu à Assembleia Legislativa pela oportunidade de Surubim poder sediar o evento.  “Tudo isso é muito importante, principalmente pelo momento que a gente vem passando, né, no Brasil, de tanta descrença, de tanta desesperança com os líderes, né, com o poder público. Então esse é realmente um exemplo dessa aproximação. É um exemplo, sim, de inclusão do povo nesse processo político”.
O projeto, que pretende abranger as 184 cidades pernambucanas, já passou por Timbaúba e Macaparana (na Mata Norte), Ribeirão e Belém de Maria (na Mata Sul) e Ipojuca e Cabo de Santo Agostinho (na Região Metropolitana do Recife).

Audiência pública debate condições de trabalho de técnicos e auxiliares de enfermagem

As condições de trabalho dos técnicos e auxiliares de enfermagem de Pernambuco foram tema de audiência pública da Alepe nesta quarta. No encontro promovido pela Comissão de Cidadania, os representantes da categoria entregaram uma pauta de reivindicações à Secretaria de Saúde do Estado, expondo a situação de baixos salários e más condições de trabalho. Também pediram uma reunião até o final do mês com os secretários de Administração e de Saúde, alertando que, se não houver acordo, uma paralisação poderá ser realizada no dia 9 de dezembro.
Presidente do Sindicato Profissional dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem de Pernambuco (Satenpe), Francis Herbert pediu que o Governo do Estado negocie com a categoria. Ele afirmou que há 10 anos esses profissionais não têm reposição das perdas inflacionárias, além de não receberem adicional noturno ou de insalubridade. Francis Herbert reclamou ainda de atrasos em pagamentos e indefinições nos contratos feitos por meio de Organizações Sociais de Saúde. E disse que não há isonomia no pagamento a auxiliares e técnicos de enfermagem, que recebem quatro faixas salariais distintas. Além disso, segundo ele, muitos trabalham sem equipamentos de proteção e máscaras e há déficit de profissionais nas unidades de saúde. 
A chefe do setor de Fiscalização do Conselho Regional de Enfermagem de Pernambuco, Coren-PE, Ivana Andrade, confirmou a deficiência de pessoal. Ela disse que a entidade apresentou uma Ação Civil Pública junto ao Ministério Público para corrigir essa situação dos profissionais. Diretora Geral de Gestão do Trabalho da Secretaria de Saúde, Vanessa Diniz recebeu a pauta de reivindicações do Satenpe. Ela ressalvou que as demandas quanto aos vencimentos dizem respeito à mesa de negociação coordenada pela Secretaria de Administração, mas disse que buscará auxiliar na interlocução com a pasta. Apesar de convidada, a Secretaria de Administração não enviou representantes para a audiência pública.
Simone Albuquerque, que trabalha na UTI do Hospital da Restauração, no Recife, ressaltou que Pernambuco paga o pior salário do Nordeste e que, no local de trabalho, há teto com risco de desabamento, infiltrações e ratos circulando no refeitório.
Presidente da Comissão de Cidadania, a deputada Jô Cavalcanti, do mandato coletivo Juntas, do PSOL, informou que o Colegiado enviará ofício ao secretário de Saúde solicitando a reunião, pedirá informações à Secretaria de Administração e pretende inspecionar o Hospital da Restauração. 

Alunos da Escola Donatila visitam o Museu da Sulanca


Nesta quarta-feira (13), alunos da Escola Municipal Donatila da Costa Lima, de Santa Cruz do Capibaribe, visitaram as instalações do Museu da Sulanca. O local possui um acervo destinado a contar a história e evolução da feira de confecções e dos processos de produção no município.

A visita foi realizada na parte da tarde e alunos do 2º e 6º anos do Ensino Fundamental conferiram peças do acervo, além da exposição “Nós Sulanca”, que traz um olhar diferenciado sobre personalidades que fizeram parte dessa evolução econômica.

As apresentações da exposição (que segue até 10 de dezembro) e do acervo, foram ministradas pelo jornalista Ferreira Neto, sendo os alunos acompanhados pelas professoras Elisângela de Lima Moraes e Yolanda de Oliveira.







Instalado no Centro de Eventos do Moda Center, o Museu da Sulanca, assim como a exposição “Nós Sulanca”, estão abertos à visitação pública em horário comercial. Excursões e escolas devem agendar a visita pelo número: (81) 3759-1000 ou pelo e-mail museu@modacentersantacruz.com.br.

Câmara realiza duas Sessões Plenárias nesta terça-feira

Nesta terça-feira (12), a Mesa Diretora da Câmara de Vereadores optou por realizar duas sessões plenárias para garantir que a pauta dos trabalhos fosse cumprida e garantir a discussão e votação de projetos e requerimentos produzidos pelos parlamentares. Na parte da manhã foi realizada a 15ª Sessão Plenária do segundo período legislativo de 2019 que estava prevista para ser realizada na última quinta-feira, porém foi adiada para que os vereadores atendessem ao convite da Secretaria Estadual de Defesa Social que realizou o lançamento da Operação Têxtil 2019 na mesma data e horário. A tarde foi realizada a 16ª sessão com o uso da tribuna, obedecendo o calendário das reuniões do semestre.
Entre os assuntos discutidos os vereadores votaram e derrubaram os Vetos 01 e 02/2019 do prefeito do município. No primeiro, o chefe do executivo vetava a Lei 3.098/2019 de autoria do vereador Carlinhos da Cohab (PTB), que obriga ao gestor do Fundo de Previdência Própria comunicar ao Poder Legislativo casos de inadimplência e ausência dos repasses.
O segundo veto derrubado por 15 a 05 votos, trata da Lei 3.088/2019, de autoria do vereador e presidente da Câmara, Augusto Maia (PODE) e que visa garantir incentivos fiscais a hospitais e shoppings que venham a se instalar no município.
Com a derrubada dos vetos, as leis passam a vigorar normalmente.




Todas as Leis Municipais em vigor podem ser acompanhadas através do Portal da Câmara no site: www.camaradesantacruzdocapibaribe.pe.gov.br na aba Leis Aprovadas.

terça-feira, 12 de novembro de 2019

ATENÇÃO: agora no LABORATÓRIO PATRÍCIA BRAGA aceitamos o cartão Clube Amigo do ICIA

SOBRE O CLUBE AMIGOS DO ICIA:

Clube do amigo é um projeto desenvolvido pelo ICIA que visa beneficiar estabelecimentos comerciais e doadores mutuamente. Sendo que os doadores se beneficiarão com descontos, fornecidos pelos estabelecimentos e os estabelecimentos comerciais se beneficiarão fortalecendo o marketing da sua empresa, já que o mercado sofre impactos de tendências e esta, está muito forte para as empresas que abraçam causas sociais similares a causa do ICIA. Pensando nisso e ciente do poder da marca, o ICIA desenvolveu este projeto, cujo objetivo é tornar a doação mais atrativa para o doador, e auxiliar as empresas na comercialização de seus produtos.


Governo de Pernambuco, UFRPE e PUC vão avaliar qualidade dos pescados no Estado

O Governo do Estado, em parceria com a Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), vai avaliar a qualidade dos pescados no litoral do Estado. Ao todo, serão coletadas 150 amostras de pescados em 12 localidades pesqueiras atingidas pelo derramamento de óleo no litoral. Nesse primeiro lote, as análises ficarão sob a responsabilidade da PUC/RJ, laboratório certificado que presta serviços à própria Petrobras em questões relacionadas à contaminação por petróleo.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Agrário do Estado, Dilson Peixoto, o objetivo da análise é dar segurança aos pescadores e à população de Pernambuco quanto à segurança dos pescados no litoral. “Esta análise vai nos dar condições de afirmar se houve contaminação dos pescados e, em caso positivo, em que intensidade. Só a partir dessa avaliação será possível afirmar se os pescados estão livres de contaminação e liberados para o consumo da população”, explicou o secretário, acrescentando que o foco das análises é a pesca artesanal, não contemplada pelas fiscalizações já realizadas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e pela Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária (Adagro) com a indústria e os entrepostos com cadastro federal e estadual.


A previsão é que em dez dias sejam liberados os primeiros resultados. As primeiras 50 amostras foram enviadas à PUC nesta segunda-feira (11) e as amostras restantes devem ser enviadas ainda esta semana. A coleta está sendo realizada por alunos do departamento de Engenharia de Pesca da Universidade e extensionistas do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA).

Entre as espécies coletadas estão moluscos (ostra, marisco e sururu), peixes (budião, saramunete, sapuruna, tainha, xaréu, manjuba, agulha, camurim, vermelho, pampo, bonito, dourado, bagre, raias e cações) e crustáceos (lagosta, camarão, caranguejo, guaiamum e siri). As coletas estão sendo realizadas nos estuários do Rio Capibaribe, Itapissuma, Itamaracá, Igarassu, Goiana, Paulista, Cabo de Santo Agostinho, Rio Formoso, Tamandaré, Ipojuca e São José da Coroa Grande.

Após essas primeiras coletas, será iniciado um trabalho de monitoramento dos pescados no litoral de Pernambuco, por prazo indeterminado. “Esse tipo de acidente, com possibilidade de contaminação por hidrocarbonetos, tende a deixar vestígios por muito tempo, por isso a necessidade de manter o monitoramento dos pescados por meses e até anos”, detalhou Dilson Peixoto.

A expectativa é que esse trabalho de monitoramento seja assumido pelo Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itep), que atualmente está em fase de certificação de seu laboratório para análise de contaminação por hidrocarbonetos.

BALNEABILIDADE
Na última sexta-feira (8), a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) divulgou o resultado de análise das águas no litoral pernambucano. Após duas baterias de análises, realizadas pela Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) em parceria com outras instituições, não foram detectadas nas amostras presença de hidrocarbonetos, compostos orgânicos encontrados no petróleo e que, em grandes concentrações, podem causar danos à saúde. Ao todo, foram examinadas amostras de 16 praias, buscando identificar os 21 principais compostos presentes no petróleo e todas foram consideradas próprias para o banho.

Lula vai liderar freio contra onda conservadora que tem varrido o mundo e matado democracias, diz Humberto

Depois de visitar a embaixada da Bolívia em Brasília, nesta terça-feira (12), para prestar solidariedade ao povo boliviano e condenar o golpe de Estado no país vizinho, o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), criticou as tentativas de Jair Bolsonaro (PSL) e aliados de tentarem enquadrar Lula na Lei de Segurança Nacional. Ele disse que Bolsonaro é quem mais estimula a violência no país e que só o ex-presidente será capaz de derrotar a extrema-direita e o ódio, e restaurar a plena democracia no Brasil.

Para Humberto, a Bolívia é a bola da vez da onda conservadora que tem varrido o mundo e matado democracias, e precisa ser freada urgentemente. “É preciso unidade para barrarmos esses retrocessos. Sob o comando de Lula, vamos nos reagrupar para preservar o Estado de Direito e impedir mais recuos. Aqui no Brasil, não vamos sucumbir ao discurso fascista de repressão e implantação de um novo AI-5”, declarou.

O senador avalia que Lula está com disposição para reagrupar o campo da esquerda, serenar ânimos, pacificar o Brasil e resgatar um projeto interrompido de país, inclusivo, solidário e soberano, diferentemente do que há, hoje, encarnado por Bolsonaro e sua extrema direita fascista.

Segundo o parlamentar, essa direita despreza a democracia, como ocorreu agora na Bolívia, onde o presidente reeleito Evo Morales foi destituído por um golpe com a participação das Forças Armadas e de forças internacionais.

“Estamos vendo uma articulação regional, em toda a América Latina, para conter os avanços progressistas. Há uma elite econômica que não perdoa o desenvolvimento inclusivo e quer seguir fazendo o que sempre fez no nosso continente: explorar os trabalhadores e o povo pobre até o bagaço e entregar as riquezas dos países a estrangeiros”, resumiu.

No entendimento de Humberto, a Bolívia, que era um dos países mais pobres da região, experimentou, sob o governo Morales, considerável crescimento na última década.

A extrema pobreza foi reduzida de 78% da população para 15%; o PIB per capita saltou de US$ 900 para US$ 4 mil; e a taxa de crescimento estabilizou em 4% ao ano. “No Brasil, sequer chegaremos a 1%. O golpe das elites é contra isso: contra a inclusão e a justiça social”, ressaltou.

O líder do PT lembrou que o Brasil também viveu ruptura da ordem democrática com o golpe contra Dilma em 2016, sendo que a prisão de Lula ainda foi parte do processo.

“Mas, no nosso caso, o lawfare substitui o uso das armas. A lei foi usada para perseguir desafetos políticos e atalho ao poder. Bolsonaro reconheceu isso novamente quando agradeceu a Sergio Moro, nesse fim de semana, sua eleição”, comentou.

Humberto ainda criticou a tentativa de Bolsonaro e seus aliados de enquadrar Lula na Lei de Segurança Nacional. Para ele, ninguém incita tanto a prática de violência no país como Bolsonaro.

"Em toda a vida pública do capitão reformado, já o vimos propondo o fechamento do Congresso Nacional, a tortura e o exílio para opositores. É uma retórica de ódio puro. Mas as suas ameaças não irão calar o povo brasileiro e o presidente Lula”, concluiu.

Lula vem ao Recife participar de Festival Lula Livre

Nove dias depois de sua libertação, o ex-presidente Lula desembarca no Recife para participar do Festival Lula Livre. O evento vai reunir artistas nacionais e locais em um grande show de celebração da liberdade do ex-presidente, no próximo domingo (17), no Pátio do Carmo, no Centro do Recife, a partir das 12h.

Entre os nomes já confirmados estão Otto, Marcelo Jeneci, Siba, Mundo Livre S/A, Odair José, Lia de Itamaracá, Digitaldubs, Johnny Hooker, Aline Calixto, RAPadura, DJ Patrick Tor4, Devotos, Feiticeiro Julião, Francisco El Hombre e o projeto A Dita Curva, que reúne dez artistas pernambucanas: Aishá Lourenço, Aninha Martins, Flaíra Ferro, Isaar, Isadora Melo, Laís de Assis, Luna Vitrolira, Paula Bujes, Sofia Freire e Ylana Queiroga. 

O Festival já estava previsto antes mesmo do ex-presidente ter assegurada a sua liberdade, depois de decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). Festivais já aconteceram no Rio de Janeiro, em São Paulo, e em várias cidades pelo Brasil, mas essa será a primeira vez que Lula poderá participar.

Festival Lula Livre é uma marca da luta por justiça para Lula conhecida no país todo. Como na ditadura, o festival traz a música como forma de resistência e politização na luta por liberdade para o ex-presidente. São canções de protesto para denunciar que temos um preso político no Brasil há quase 600 dias.

CREDENCIAMENTO  

Jornalistas interessados na cobertura do evento devem enviar nome, RG e veículo para o email: festivallulalivrerecife@gmail.com até o dia 15/11.

16ª SESSÃO PLENÁRIA DO SEGUNDO PERÍODO DE 2019 DA CÂMARA DE VEREADORES DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE

15ª SESSÃO PLENÁRIA DO SEGUNDO PERÍODO DE 2019 DA CÂMARA DE VEREADORES DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE

segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Diogo Moraes pleiteia alternativas para reabertura do CSU da Imbiribeira

Vice-líder do Governo na Assembleia Legislativa de Pernambuco, o deputado estadual Diogo Moraes (PSB) visitou, na manhã desta segunda-feira (11), o Centro Social Urbano Afrânio Godoy, conhecido como CSU da Imbiribeira, para pleitear a reforma e reabertura do espaço. Ao lado do vereador Aerto Luna (PSB), Diogo Moraes destacou a importância do local para capacitação e qualificação da comunidade da Zona Sul da cidade, que era beneficiada com cursos para população de baixa renda. O deputado solicitou a presença do secretário executivo de Assistência Social, Joelson Rodrigues, para reforçar a importância da solicitação.



“Estamos aqui no CSU da Imbiribeira, junto com Aerto e Joelson. Viemos ver em loco como se encontra o CSU e pensar em alternativas para recuperar esse espaço tão importante, colocar mais vida na vida do povo da Imbiribeira dando a esse centro mais produtividade, qualificação para juventude, para pessoas que estão procurando emprego, para quem quer aprender através do Ensino de Jovens e Adultos, num curso de costura, cabeleireiro e tantos outros. Queremos dar vida a esse espaço e vamos nos colocar à disposição do Governo do Estado para auxiliar com o que for preciso”, afirmou o deputado.
O parlamentar já se reuniu com o secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Sileno Guedes, para falar da necessidade de reformar o local.
Durante a visita, o vereador Aerto Luna reforçou a necessidade de reestruturar o CSU. “O sentimento é de esperança para ver esse centro trazendo renda na vida das pessoas. As pessoas precisam de emprego e renda. Esse espaço tem condições de fazer com que vida das pessoas sejam transformadas”, afirmou Aerto. 
“A Secretaria de Desenvolvimento Social espera contar com apoio da Assembleia, para obter mais recursos para que a gente retome as atividades de empregabilidade, emprego e renda e as pessoas possam voltar a utilizar esse espaço. Esperamos muito em breve ter novas perspectivas”, afirmou Joelson Rodrigues.

FOTOS: Divulgação 

Diogo Moraes prestigia 5ª edição do Festival do Abacaxi em São Lourenço da Mata

Neste domingo (10), o deputado estadual Diogo Moraes marcou presença na 5ª edição do Festival do Abacaxi de São Lourenço da Mata, realizado na zona rural, no Assentamento Velho I. O evento, criado pelo vereador Antônio Manga tem objetivo de evidenciar e festejar a larga produção da fruta na cidade. A festa contou com a participação de centenas de agricultores, representantes da categoria e autoridades locais. Na ocasião, o parlamentar aproveitou para anunciar a destinação de emenda parlamentar de 2020 para aquisição de um trator com grade completa para a Associação de Pequenos Produtores Agricultores Rurais dos Engenhos Concórdia e Santa Cruz.

Apesar de ser amigo do vereador Manga de longa data, Diogo Moraes se aproximou politicamente da cidade há alguns meses. Entretanto, vendo a necessidade dos agricultores rurais, o parlamentar se prontificou em ajudar os produtores familiares. “Hoje foi um dia muito especial! O veículo que será adquirido com a nossa emenda parlamentar no valor de R$ 150 mil poderá ser utilizado por todos os agricultores familiares da cidade. Para mim é uma alegria muito grande poder contribuir um pouquinho para o fortalecimento da produção deste povo tão batalhador do campo. Hoje, as mais de 1.200 famílias que vivem da agricultura fazem todo o preparo da terra de forma manual”, afirmou Moraes, que finalizou sua fala assinando o documento que oficializa a destinação da emenda parlamentar.

Ainda em São Lourenço da Mata, Diogo Moraes e Antônio Manga visitaram as plantações de Abacaxi localizadas na zona rural do município. “Aproveitei para ver de perto as plantações ao lado do amigo Rivelino, representante da categoria e do vereador Manga. Com os incentivos e capacitações que estamos articulando junto ao Governo de Pernambuco, pretendemos aumentar ainda mais essa produção agrícola e desenvolver o município que hoje conta com mais de 120 mil habitantes”, declarou. Já o vereador Manga comemorou outra novidade para o município, que é a inclusão do Festival do Abacaxi no Calendário Oficial de Datas e Eventos de Pernambuco. “O Festival agora é Lei. Será oficial em nosso Estado. Isso é motivo de muita alegria e orgulho para nós. Isso por que, com essa inclusão, será possível solicitar o apoio do Governo de Pernambuco para as próximas edições, fortalecendo o evento e a cidade como grande produtora de Abacaxi em nosso Estado”, destacou Manga.







Durante o evento, também estavam presentes o prefeito Bruno Pereira e o ex-deputado Jairo Pereira, o deputado estadual Doriel Barros, os vereadores Deto e Cícero, Cícera Nunes, Paulo Roberto da FETAPE, Mário e Nóbrega representantes dos sindicatos da categoria e Iraneide, da Fadurpe.

Assessoria de Comunicação - Deputado Diogo Moraes

Frente Parlamentar de Segurança ouve demandas da população de Caruaru

A segunda audiência pública da Frente Parlamentar de Segurança Pública no Interior do estado foi realizada na última sexta, em Caruaru, no Agreste Central. Deputados, representantes das Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, vereadores e moradores da cidade discutiram as estatísticas da violência e as medidas a serem adotadas para reduzir os índices de criminalidade no município e na região. O secretário executivo de Defesa Social, Humberto Freire, também participou do evento, promovido na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).
Na abertura da reunião, o coordenador da Frente Parlamentar, deputado Delegado Erick Lessa, do PP, apresentou estudo elaborado pela Consultoria da Alepe a partir de dados do Portal da Transparência e do Pacto pela Vida. Segundo o levantamento, na Região de Desenvolvimento do Agreste Central, o número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) era de 74 por cem mil habitantes em 2017 e, em 2018, atingiu a marca de 50 por cem mil habitantes. Apesar da queda registrada, Lessa acredita que, em Caruaru, houve estagnação no combate à criminalidade, na comparação com as estatísticas de 2018.
O deputado também mostrou preocupação com o aumento dos casos de violência contra a população feminina. E anunciou emenda ao orçamento de sua autoria, com o objetivo de reestruturar o prédio onde funciona a Delegacia da Mulher da cidade. “Uma emenda  significativa pra que a Delegacia da Mulher de Caruaru possa ter uma estruturação mais ampla, com atendimento psicossocial, com uma estrutura realmente, uma infraestrutura. Inclusive nós ouvimos  o depoimento de uma mulher que esteve na Delegacia da Mulher no sábado, e estava fechada a Delegacia da Mulher. Então isso tudo nós pudemos levar diretamente ao chefe da Polícia Civil e ao secretário executivo de Defesa Social, pra que respostas sejam dadas.” 
O secretário executivo de Defesa Social, Humberto Freire, falou, em seguida, sobre o trabalho desenvolvido na Área Integrada de Segurança (AIS) sediada em Caruaru, e que abrange outras 14 cidades. O gestor apontou a redução dos homicídios em 38% no município, média maior que a do estado. De acordo com Freire, esse resultado se deve a uma forte reação do Governo no combate à criminalidade, iniciada em 2017: “A contratação de 2.800 policiais militares, mais 500 estão na Academia, mais de 1.200 policiais civis e policiais da polícia científica, e também mais 500 hoje na Academia.  Além disso, a gente teve investimento em meios: novas viaturas, renovação de frota, motocicletas para a Polícia Militar, que é um meio mais ágil de atendimento a ocorrências, estamos investindo muito em tecnologia”.
Ainda de acordo com o secretário, o índice de resolução dos Crimes Violentos Letais Intencionais segue uma tendência crescente. Em 2017, houve 262 em Caruaru, dos quais 48% foram solucionados. Já este ano, ocorreram 144 casos, com índice de conclusão de 53%. Também presente, o chefe da Polícia Civil, Joselito Kehrle, atribuiu esse resultado ao esforço de toda a corporação.
Mas a sensação de insegurança permanece, na avaliação da líder comunitária Sandra Moura, moradora do residencial Luiz Bezerra Torres, onde vivem mais de dez mil famílias. Ela fez um apelo às autoridades presentes no sentido de que o policiamento na localidade seja reforçado: “Prá você ter noção, lá é um bairro afastado do centro e que o Uber, táxi, mototáxi, eles não estão querendo ir devido ao índice de criminalidade. E outra: pode não tá na estatística, mas todo dia tem assalto. É um bairro como outro qualquer, é! Só que lá são mais de dez mil famílias, e a gente tá clamando, e clamou por justiça, pra que o policiamento vá mais frequente”.
Também participaram da reunião os deputados Álvaro Porto, do PTB, e Alberto Feitosa, do Solidariedade. Porto salientou a importância de conhecer a realidade de quem vive no Interior e de encaminhar as demandas populares às autoridades. A taxa de resolução dos crimes alcançada em Pernambuco foi considerada “um marco” por Feitosa. Segundo o deputado, o percentual é quase 15% maior que o obtido pelo estado de São Paulo.
A próxima audiência pública da Frente Parlamentar de Segurança será em Serra Talhada, no Sertão do Pajeú, no próximo dia 25. E, no dia seis de dezembro, o grupo vai conhecer a realidade da segurança pública em Palmares, na Mata Sul.

domingo, 10 de novembro de 2019

Confira a movimentação deste domingo no Moda Center


Até o dia 30 dezembro, o Moda Center Santa Cruz está realizando suas feiras aos domingos e segundas, das 6h às 18h. A alta temporada atrai clientes em busca de novidades, especialmente para abastecer as lojas para as festas de fim de ano.

Estima-se que neste domingo aproximadamente 90 mil pessoas tenham passado pelo centro de compras. Esse número tende a crescer, podendo chegar a até 150 mil por feira, especialmente no início do mês de dezembro.

Confira as imagens deste domingo: