sexta-feira, 3 de abril de 2020

Cínthia Dêlise se afasta do cargo de Secretária para concorrer as eleições de 2020

Cumprindo o prazo determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Cinthia Dêlise se desincompatibilizou da Secretaria de Ação Social, Desenvolvimento e Trabalho, na qual estava como Secretária, em Taquaritinga do Norte. A motivação para tal decisão partiu do desejo que Cinthia tem em disputar as eleições municipais do corrente ano. Cinthia Dêlise tem uma trajetória na vida política desde muito cedo, já foi Vereadora no município (2012-2016) e se afasta da gestão da assistência social com três anos e três meses de muito trabalho com as famílias carentes do município, viabilizando direitos para quem mais precisa.


Cinthia revelou que está pré candidata a vereadora e reafirmou o desejo de continuar impactando vidas e ajudando a quem mais precisa. “A minha pré candidatura não nasce do nada. Desde muito cedo milito na política e preciso continuar dando minha parcela de contribuição para o desenvolvimento de Taquaritinga do Norte. No meu primeiro mandato como vereadora, pude ser voz para muitos segmentos da sociedade, reivindicando e lutando por seus interesses. Como secretária, pude conhecer ainda mais a realidade do município, onde estão as famílias carentes, o que as crianças, adolescentes, jovens e idosos precisam. Quais as políticas públicas transformam para melhor a vida de quem mais precisa desse suporte. Como secretária, pude conhecer mais de perto a realidade da mulher nortetaquaritinguense e ver o quanto elas estão carentes de representatividade no legislativo municipal. Se no primeiro mandato como vereadora e como secretária, foi possível olhar e fazer por nossa gente, me coloco a disposição como pré candidata para fazer muito mais. Afinal, o vereador é o político mais próximo do povo”, relatou Cínthia.

A ex secretária vem construindo sua identidade, inclusive virtual, desenvolvendo um trabalho de prestação de informação à população e ouvindo as demandas do povo pelas redes sociais, em tempos de isolamento social por causa do coronavírus.

COM INFORMAÇÕES DA ASSESSORIA DE IMPRENSA

quinta-feira, 2 de abril de 2020

PREFEITO DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE ANUNCIA ENTREGA DE KIT MERENDA PARA ESTUDANTES DA REDE MUNICIPAL

O prefeito Edson Vieira, anunciou no início da tarde desta quarta-feira (01), mais uma medida contra a pandemia Covid-19 (Coronavírus) em Santa Cruz do Capibaribe. Trata-se da entrega de Kits Merenda para alunos da rede municipal de ensino.

A Secretaria de Educação será responsável pela logística, informação e distribuição desses alimentos. Cada aluno terá direito a um kit, a partilha vai acontecer uma vez por mês, nas escolas do município.

“Depois de 10 dias em reuniões com minha equipe, pensando como deveríamos tomar essa decisão, resolvemos criar e distribuir o Kit Merenda para os alunos da rede municipal de ensino de Santa Cruz do Capibaribe. O nosso intuito é tentar amenizar as dificuldades e ajudar mães e pais na condução de suas famílias, em especial, as que se encontram em estado de vulnerabilidade social”, pontuou o prefeito.

De acordo com Edson Vieira, a entrega desse Kit vai começar na segunda quinzena de abril, será destinado para o auxílio de 12.600 estudantes matriculados nas escolas da rede municipal de ensino da Capital da Moda.

Outro ponto abordado no pronunciamento pelo gestor foi que 60% do valor do Kit Merenda será com recursos municipais, um montante de R$ 265.000,00 (Duzentos e sessenta e cinco mil reais). O restante (40%), serão recursos federais.

Ronaldo Pacas fecha apoio à pré-candidatura de Dida de Nan para prefeito


NOTA

Na vida pública somos guiados pelo único propósito de buscar o melhor para nossa gente, lutar pelo bem do coletivo e conquistar as ações modificadoras de nossa sociedade. E militar em uma ala política é o canal que possibilita tais conquistas.

Orgulho-me em ter me dedicado de corpo e alma à minha amada cidade nesses dois mandatos de vereador. São muitas andanças, cobranças, fiscalizações da aplicação do dinheiro público e o mais importante, muitas conquistas para o nosso povo.

Cada requerimento atendido, cada lei criada ou ofício enviado significa uma ação minha.

Cada cobrança enviada pelos munícipes, cada sugestão chegada ao gabinete, traz a tona um MANDATO PARTICIPATIVO e embasado nas reais funções do cargo.

Tenho cumprido com dedicação e amor os meus deveres. E assim continuarei a fazer. Sou vereador de Santa Cruz do Capibaribe.
Estou no grupo boca-preta desde sempre, e em 2018, por um compromisso profissional com o amigo Deputado Estadual Diogo Moraes fiz parte de seu projeto de reeleição. Gravei para campanha de diversas cidades onde o mesmo possui correligionários. Logramos êxito, cumpri com meu compromisso, e hoje nossa Santa Cruz do Capibaribe conta com dois filhos na Assembleia Legislativa de Pernambuco. O próprio Diogo e a Deputada Estadual Alessandra Vieira.
Eu, meus amigos, familiares e colaboradores iremos, ou melhor, ESTAMOS TOTALMENTE COMPROMETIDOS COM O PROJETO DO PRÉ-CANDIDATO A PREFEITO DIDA DE NAN.

As amizades que construí ao longo dessas décadas, e as que venho conquistando nos dois mandatos, reforçam meu empenho e interesse em trabalhar por Santa Cruz do Capibaribe.

Certo de que fui bem claro, e de que não temos espaço para mais nenhum tipo de comentário maldoso, discórdia ou fake News, não tenho tempo para perder. Vou seguir no meu trabalho, de braços abertos para todos que queiram ingressar em nosso projeto de lutar pelo bem de Santa Cruz do Capibaribe. E se for GENTE DA GENTE, tem espaço em nosso grupo.

Vereador Ronaldo Pacas


FOTO: Vereador Ronaldo Pacas, vice-prefeito Dida de Nan, prefeito Edson Vieira e deputada estadual Alessandra Vieira

Penitenciária Juiz Plácido de Souza doou máscaras para o HMV

O Hospital Mestre Vitalino (HMV) recebeu ontem (31), uma doação de máscaras produzidas pelos reeducandos da Penitenciária Juiz Plácido de Souza (PJPS), em Caruaru. O diretor do HMV Dr. Marcelo Cavalcanti parabeniza a iniciativa e agradece pela colaboração neste momento tão delicado que estamos vivendo. 

“Enquanto diretor do HMV fico grato por perceber as iniciativas locais que estão sendo realizadas para contribuir com o nosso trabalho, e neste caso, sobretudo, por poder também de alguma forma favorecer o processo de ressocialização destas pessoas. Reforço, em nome de todo o Hospital, o agradecimento ao gerente da unidade Paulo Paes por esta doação”, destacou.

Foto: Blog do Edvaldo Magalhães 

OAB Caruaru vai distribuir álcool em gel para os advogados

Através da Caixa de Assistência dos Advogados de Pernambuco (CAAPE) será realizada nesta sexta-feira (03) a entrega de álcool em gel 70% de 100ml para advogados, advogadas e estagiários regularmente inscritos na Ordem e que façam parte da Subseccional Caruaru.

A entrega do álcool em gel será feita em sistema de drive thru, das 9h ás 10h para o grupo de risco (idosos, gestantes e pessoas com doenças crônicas) e das 10h às 11h para os demais, em frente a sede da subseccional que fica na Rua Cônego Júlio Cabral, 267, Salgado.

A ação faz parte das medidas preventivas contra a disseminação do novo coronavírus (COVID-19) realizadas pela OAB Pernambuco, por meio da Caixa de Assistência e em parcerias com as subseccionais de todo o Estado.

Ouça o programa Moda Center no Ar desta quinta-feira (02/04)

quarta-feira, 1 de abril de 2020

Projetos de Alessandra Vieira determinam a suspensão de cobrança de títulos em cartórios e prorrogação da validade de alvarás durante Estado de Calamidade devido à pandemia

Preocupada também com os impactos negativos da pandemia de Covid-19 na economia e nas contas dos pernambucanos, a deputada Alessandra Vieira (PSDB) apresentou dois projetos de lei publicados nesta quarta-feira, 01, no Diário Oficial.  O projeto  nº 1037/2020 determina a suspensão de registro, anotação, cobrança e protesto de títulos de pessoas físicas e jurídicas durante o período em que estiver vigente o Estado de Calamidade Pública em Pernambuco.  Já o projeto  nº 1017/2020 estende a validade dos alvarás, documentos e certidões de âmbito estadual cujo vencimento coincida com o período de Calamidade Pública, autorizando o estado a  aceitar documentos que tenham expirado sua validade  no intervalo de tempo da pandemia. 

“O que estamos enfrentando agora é uma emergência sanitária, social e econômica. As empresas e pessoas estão sem produzir e vender e muitos sem conseguir pagar suas contas. Visando minimizar empecilhos burocráticos na vida das pessoas, da mesma forma que as contas de luz e água já possuem uma carência de pagamento até a normalização de nosso cotidiano, também é justo que ao menos no período de vigência da situação de Calamidade Pública, os cartórios não façam o registro e negativação de títulos. Além disso, que haja uma extensão do prazo de validade dos alvarás, certidões e documentos que necessitam de forma presencial do cidadão, visto que as repartições encontram-se fechadas ou com atendimento reduzido”, explicou a parlamentar.

De acordo com Alessandra, a proposta “ pretende evitar assim gastos desnecessários ou cobrados duplamente e consequentemente transtornos para que isso não complique ainda mais a vida financeira dos cidadãos de Pernambuco”.



Outras ações – Alessandra remanejou  mais de R$ 1.4 milhão de suas emendas parlamentares para ações de combate ao coronavírus. O dinheiro será empregado na compra de respiradores, EPIs e na aquisição de ambulâncias. A deputada estadual apresentou também uma indicação que propõe ao governo estadual direcionar a fabricação de máscaras, batas e macacões usados por profissionais de saúde ás cidades do Polo de Confecções e utiliza suas redes sociais para reforçar a importância do distanciamento social, coletar doações  e divulgar o trabalho de empreendedores que fazem entregas de produtos em sua região.

Por: Daniela Brito
Foto: Ascom / Alepe

terça-feira, 31 de março de 2020

Deputados votam decretos de calamidade pública de mais de 60 municípios nessa terça. Entre elas Santa Cruz do Capibaribe e Taquaritinga do Norte

A Assembleia Legislativa vai realizar mais uma reunião plenária virtual, nesta terça, a partir das duas e meia da tarde, para votar os projetos de decretos legislativos que reconhecem o estado de calamidade pública em diversos municípios do Estado, por conta do coronavírus. A medida determina que os prefeitos estão dispensados de atingir metas fiscais para conter os efeitos da pandemia e atender à população.

De acordo com o artigo 65 da Lei de Responsabilidade Fiscal, nas situações de calamidade pública, cabe às Assembleias Legislativas validarem o cenário emergencial nos Estados e municípios. Segundo o Regimento Interno da Alepe, as propostas de decreto legislativo são votadas em Plenário em um só turno. Em seguida, as matérias vão ser promulgadas pelo presidente da Assembleia, deputado Eriberto Medeiros, do PP.
O parlamentar destacou as vantagens da decretação de estado de calamidade pública para as cidades: Para que dessa forma se possa, que o município seja liberado de algumas restrições fiscais, uma exigência que tem da Lei de Responsabilidade Fiscal. Dessa forma, os prefeitos poderão agilizar, diminuir a burocracia, as ações, das ações administrativas, como  a compra de insumos, de equipamentos e contratação de pessoal para o combate do novo coronavírus. E nós da Assembleia estamos dando celeridade a esse processo, né, correndo, trabalhando, fazendo nossa parte, porque somos conscientes da queda de arrecadação que os municípios terão a dificuldade de cumprir com a Lei de Diretrizes Orçamentárias”. 
Também nessa terça, pela manhã, as Comissões de Justiça, de Finanças e de Administração promovem reuniões virtuais para dar parecer aos projetos de decretos legislativos. Desde a semana passada, a Casa de Joaquim Nabuco vem realizando reuniões plenárias virtuais, graças ao Sistema de Deliberação Remota, o chamado SDR. O mecanismo inédito na história do Legislativo pernambucano foi criado pela Mesa Diretora como parte das ações para evitar o contágio pelo Covid-19 entre os deputados, servidores do Legislativo Estadual e a população.
Os projetos de decretos legislativos que reconhecem o estado de calamidade pública, em votação nesta terça (31/03), são relativos aos seguintes municípios:
Afogados da Ingazeira, Água Preta, Aliança, Amaraji, Barra de Guabiraba, Belém de Maria, Betânia, Bezerros, Bodocó, Cabo de Santo Agostinho, Cabrobó, Camaragibe, Camocim de São Félix, Carnaubeira da Penha, Cedro, Condado, Cortês, Cumaru, Cupira, Custódia;
Dormentes, Flores, Gameleira, Ibimirim, Ingazeira, Ipojuca, Itambé, Itapissuma, Joaquim Nabuco, Jurema, Lagoa de Itaenga, Lagoa dos Gatos, Limoeiro, Macaparana, Machados, Moreno, Olinda, Panelas, Paudalho, Paulista, Pesqueira, Petrolina, Poção;
Ribeirão, Rio Formoso, Sairé, Santa Cruz, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Cruz do Capibaribe, São Benedito do Sul, São Bento do Una, São Lourenço da  Mata, São Vicente Férrer, Serra Talhada, Surubim, Tacaimbó, Taquaritinga do Norte, Terezinha, Tracunhaém, Triunfo, Verdejante, Vertente do Lério, Vertentes e Vicência.

Pernambuco amplia testes para detectar o novo Coronavírus

O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), anunciou nesta terça-feira (31.03), a ampliação da capacidade de testagem para a Covid-19 no Estado, possibilitando a realização de exames nos profissionais de Saúde, da rede pública e privada, que estão trabalhando diretamente com os pacientes suspeitos e confirmados para a doença, além das forças de Segurança. A ampliação vai ser possível graças à parceria entre a SES-PE e o Instituto Aggeu Magalhães (Fiocruz/PE), que possibilitará triplicar a capacidade atual, saindo de  770 para 2.170 exames por semana, a depender do envio dos kits pelo Ministério da Saúde (MS). 


“Estamos tendo a oportunidade de ampliar a parceria com o Instituto Aggeu Magalhães, que anteriormente já se dava no âmbito das pesquisas na área de saúde. Atualmente, a Secretaria Estadual de Saúde tem a capacidade de realizar em média 770 testes do Coronavírus por semana, a partir dessa cooperação a gente vai poder triplicar o público que está testando”, ressaltou a secretária executiva de Vigilância em Saúde, Luciana Albuquerque.

Os testes serão os mesmos já realizados atualmente pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE), por meio da técnica RT-PCR, indicada para pacientes no início dos sintomas (até 7 dias) e que analisa a presença do vírus ou parte dele na amostra coletada. Os kits de testagem, nesta parceria, serão os encaminhados pelo Ministério da Saúde, que anunciou a ampliação do envio dos kits. Além disso, nesta semana, a empresa Genômika, especializada em testes genéticos e imunológicos, passa também a compor os esforços do Estado para ampliar a realização de exames pela técnica RT-PCR. Por dia, o laboratório privado vai processar 300 exames. Essa contratualização está sendo feito em parceria com o Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami (LIKA) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). 

A vice-diretora de pesquisa da Fiocruz-PE, Constância Ayres, destacou que o Instituto fará pesquisas para identificar medicamentos para o tratamento desses enfermos. “Iremos começar a testar produtos potencialmente antivirais, para termos uma possibilidade de tratamento e medicação dos pacientes mais graves. Além disso, também faremos toda parte epidemiológica.”

TESTAGEM RÁPIDA - O secretário André Longo ainda informou que os kits de testagem rápida do Ministério da Saúde (MS) não devem chegar mais esta semana, pela necessidade do órgão federal realizar testes centralizados para garantir a eficácia do insumo e, posteriormente, encaminhar aos Estados. "Se eu tenho um teste que não é de confiança e ele dá um falso negativo, poderá gerar um grande fator de confusão entre toda a comunidade, dando uma falsa sensação de permissividade aquele indivíduo que foi testado. Isso poderá atrapalhar nas medidas de controle", afirma Longo. O gestor ainda lembra que está em curso uma compra de mais de 350 mil testes rápidos pelo Consórcio Nordeste, que também está analisando a eficácia do que está sendo disponibilizado no mercado. 

ORIENTAÇÕES – O secretário André Longo também reforçou, nesta terça-feira, as orientações à população. "Neste momento, se estiver com sintomas de gripe, procure fazer o auto-isolamento. Só vá a uma unidade de saúde se você tiver algum dos sintais de alerta, como o desconforto respiratório, dor torácica ou uma febre que se prolongue por mais de três dias mesmo usando antitérmico. Mas se você tem sintomas gripais leves, procure ficar em casa, evite contato, em especial com idosos e pessoas que já tenham problemas de saúde. Procure restringir o contato social em nome da solidariedade necessária com as demais pessoas. Isso é muito importante para que você não se torne um agente de transmissão da Covid-19", frisa André Longo.

Link com o anúncio sobre a parceria: https://we.tl/t-Vnu9Y6Ff0q

Fotos: Aluisio Moreira /SEI

Enem digital será aplicado em 11 e 18 de outubro e o impresso, 1º e 8 de novembro

As provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 serão aplicadas em 11 e 18 de outubro, na versão digital, e 1º e 8 de novembro, impressa. As inscrições para ambas deverão ser realizadas de 11 a 22 de maio.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), vinculado ao Ministério da Educação (MEC) e responsável pela aplicação do exame, publicou os dois editais (aqui aqui) na edição desta terça-feira, 31 de março, do Diário Oficial da União (DOU). O do Enem Digital saiu com as datas de prova erradas e será retificado.


As inscrições podem ser realizadas na Página do Participante, no site do exame, ou no aplicativo Enem. O participante que optar por fazer o Enem 2020 impresso não poderá se inscrever na edição digital. Após concluir o processo, o candidato não poderá alterar a opção que escolher. 

O valor da taxa de inscrição permaneceu o mesmo da edição de 2019: R$ 85, que deverá ser pago até 28 de maio, por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU) em qualquer banco, casa lotérica ou agência dos Correios. Neste ano, será obrigatória a inclusão de foto atual do participante no sistema de inscrição, que poderá ser utilizada para procedimento de identificação.

A estrutura do exame não foi alterada. Será mantida a aplicação de quatro provas objetivas, constituídas por 45 questões cada, e uma redação em língua portuguesa. Durante o processo de inscrição, o participante deverá selecionar uma opção de língua estrangeira (inglês ou espanhol). 

Enem Digital – A implantação do Enem digital terá início neste ano, de forma progressiva. No primeiro ano do projeto, até 100 mil pessoas poderão fazer a prova no novo modelo. A previsão é que a consolidação da prova digital seja feita até 2026. 

Serão disponibilizadas 100 mil inscrições para os primeiros participantes que optarem pela edição digital. A estrutura do exame será igual à da versão impressa. 

Isenção – Os estudantes que se enquadrarem em um dos três perfis para solicitação de isenção da taxa poderão requisitar o benefício a partir de 6 de abril. Podem solicitar a isenção:
  • quem cursar a última série do ensino médio em 2020 em escola da rede pública declarada ao Censo Escolar; 
  • quem tiver cursado todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada, além de ter renda, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio; 
  • quem estiver em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda, devendo informar o Número de Identificação Social (NIS), único e válido, além de ter renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos. 

Os participantes que solicitaram isenção em 2019, não realizaram os dois dias de prova e querem solicitar a isenção para 2020 devem fazer a justificativa de ausência. As respostas dos pedidos têm previsão de divulgação em 24 de abril. Posteriormente, será aberto prazo para apresentação de recursos, entre 27 de abril e 1º de maio, e os resultados finais estarão disponíveis em 7 de maio. 

A aprovação da justificativa de ausência no Enem 2019 e da solicitação de isenção da taxa de inscrição para o Enem 2020 não significa que a inscrição foi realizada. Se os pedidos forem negados, o participante tem direito a recorrer da decisão entre 27 de abril e 1º de maio. As regras valem para a versão impressa ou digital. 

Acessibilidade – O Enem 2020, com base na Política de Acessibilidade e Inclusão do Inep, garantirá o atendimento especializado a quem precisar. Nesses casos, as solicitações deverão ser feitas entre 11 e 22 de maio, mesmo período da inscrição, no Sistema Enem. 

As respostas serão divulgadas em 29 de maio. Para os pedidos que forem negados, está prevista uma fase para apresentação de recursos. O resultado final estará disponível em 10 de junho. 

Neste ano, para facilitar a compreensão dos participantes, os atendimentos específicos (gestantes, lactantes, idosos e estudantes em classe hospitalar) foram incluídos na denominação "especializado".

Os pedidos de tratamento por nome social deverão ser feitos entre 25 e 29 de maio pelo mesmo sistema, com previsão de divulgação das respostas em 5 de junho; período para apresentação de recursos entre 8 e 12 de junho e disponibilização dos resultados finais em 18 de junho. 

Assessoria de Comunicação Social com informações do Inep
Ministério da Educação

IEL oferece cursos gratuitos a distância na área de gestão

Investir o tempo em capacitação profissional pode ser uma boa alternativa em tempos de isolamento social. Pensando nisso, o Instituto Euvaldo Lodi (IEL) oferece, gratuitamente, diversos cursos voltados ao conhecimento em gestão na modalidade educação a distância (EaD). Ao todo, são 20 cursos criados a partir da expertise conquistada no programa de Educação Executiva e com o objetivo de aumentar a produtividade operacional e contribuir com a performance dos que atuam em ambientes corporativos.


Os cursos estão com as inscrições abertas e têm duração de 1 hora a 16 horas. Os temas são variados, e vão de big data e inteligência artificial à gestão financeira e elaboração de plano de negócios. Os webinars têm uma hora de duração e têm como temas Gestão de Crises, Gestão de Talentos Remotos e Produtividade em Home Office.

Os seminários serão ministrados em 8,15 e 22 de abril, às 20h. A superintendente do IEL-PE, Fernanda Mançano, vê a iniciativa do IEL nacional como algo muito positivo neste momento. “Sabemos que todos vivemos um momento difícil e entendemos que o IEL tem um papel fundamental na manutenção dos cursos, de modo que todos, quando voltarem para as suas atividades normais, estejam preparados para os desafios e que as empresas contem com profissionais qualificados”, disse.

As inscrições podem ser feitas na página das Faculdades da Indústria (https://www.faculdadesdaindustria.org.br/ielgratuito/) e não há limite de vagas. Conheça abaixo os cursos disponíveis:

  • A evolução da gestão estratégica de pessoas
  • A interação homem-máquina
  • Administrando o seu dinheiro
  • Big data e inteligência artificial como sabedoria tecnológica da indústria
  • Como elaborar contratos
  • Conceitos e fundamentos da Inovação
  • Consumo Sustentável
  • Cultura para inovação na transformação digital
  • Elaboração de preços para micro e pequena indústria
  • Entendendo o mundo dos negócios
  • eSocial: um novo cenário para as organizações
  • Estratégia para a indústria 4.0
  • Ética e sustentabilidade
  • Ética profissional nas redes sociais da internet
  • Ferramentas para a criatividade e a inovação
  • Gestão ágil, modular e flexível
  • Gestão financeira por fluxo de caixa
  • Introdução ao Plano de Negócios
  • Redação para ambiente de trabalho
  • Relacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho

domingo, 29 de março de 2020

Baile Municipal de Santa Cruz remaneja parte de sua renda para ações de combate ao coronavírus

A comissão organizadora do 8° Baile Municipal de Santa Cruz do Capibaribe, em comum acordo com as entidades beneficiadas com a renda do evento, decidiu remanejar parte dos R$ 40 mil arrecadados na edição deste ano, para ações de combate ao coronavírus na cidade.

Com a decisão, a Associação de Moradores do Bairro Palestina e o grupo cultural Quadrilha da Sulanca receberão, respectivamente, R$ 10 mil cada. A outra metade do valor, RS 20 mil, será destinado para a Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social da Prefeitura de Santa Cruz e serão usados para a compra de 500 cestas básicas que serão entregues às famílias sem renda fixa que deixaram de desenvolver suas atividades autônomas devido ao isolamento social.

A idealizadora do Baile Municipal e deputada estadual, Alessandra Vieira (PSDB), e o prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira, agradeceram a iniciativa conjunta da comissão e dos projetos beneficiados. “O Baile Municipal sempre teve a solidariedade como a sua principal marca, por isso, agradeço a comissão e as iniciativas socioculturais, assistidas pela renda do baile desse ano, o gesto de amor e partilha com as famílias em vulnerabilidade social de nossa cidade,” agradeceu Alessandra.

“De forma transparente iremos aplicar esse valor na compra de alimentos. Parabenizo a comissão, a associação da Palestina e a Quadrilha da Sulanca por reconhecerem a necessidade de prestar ajuda a quem mais precisa”, ressaltou o prefeito Edson Vieira.

sexta-feira, 27 de março de 2020

SECRETÁRIO DE SAÚDE DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE FALA SOBRE A PANDEMIA DO CORONAVÍRUS AGORA NO PROGRAMA INDEPENDENTE

4ª SESSÃO EXTRAORDINÁRIA DO PRIMEIRO PERÍODO DE 2020

UNINASSAU doa materiais de limpeza para hospitais do Recife

Buscando auxiliar os hospitais no combate ao novo coronavírus (Covid-19), a UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau Recife realizou a doação de mais de 2.500 litros de materiais de limpeza para hospitais da capital pernambucana. A entrega dos insumos foi realizada nesta quinta-feira (24), na reitoria da Instituição, localizada no bairro das Graças.

Os materiais de limpeza foram arrecadados durante ações de responsabilidade social realizadas pela Instituição de Ensino Superior (IES). Entre os materiais estão detergentes e amaciantes, que poderão ser usados tanto na higienização de ambientes, quanto na limpeza de roupas e lençóis de cama.

O presidente do grupo Ser Educacional, mantenedor da UNINASSAU, Jânyo Diniz, destacou a importância das ações que a Instituição tem feito para auxiliar os governos na luta contra o Covid-19. “Este é um momento de unirmos forças para superarmos esta pandemia. Os materiais serão essenciais para que as unidades de saúde possam manter a higiene dos locais que irão receber tanto os pacientes infectados pelo novo coronavírus quanto os enfermos em geral”, explicou destacando também outras ações que foram tomadas pelo Grupo.

“No início da semana, disponibilizamos também alguns dos nossos prédios para que a prefeitura do Recife e o governo de Pernambuco possam transformar em hospital de campanha, caso haja superlotação das unidades de saúde. Essa é uma medida que o Ser Educacional tem tomado em todo o Brasil, nas nossas diversas unidades mantidas em todo o território nacional”, complementou.

Entre os locais que serão beneficiados com a doação dos materiais de limpeza estão o Hospital Oswaldo Cruz, o Hospital Evangélico, o Hospital Getúlio Vargas e o Pan de Areias. Além do Hospital dos Servidores do Estado HSE e o Hospital da Polícia Militar, todos na capital Pernambucana.  

NOTA OFICIAL DAS UNIVERSIDADES QUE COMPÕEM O CONSÓRCIO PERNAMBUCO UNIVERSITAS E OS INSTITUTOS FEDERAIS DE PERNAMBUCO

Considerando o avanço da pandemia do novo Coronavírus (COVID-19) e atentas às necessidades de proteção à saúde da população, as universidades que compõem o Consórcio Pernambuco Universitas e os Institutos Federais do Estado de Pernambuco (UPE, UFPE, UFRPE, IFPE, IF Sertão - PE, UFAPE, UNICAP e UNIVASF) adotam a seguinte orientação quanto ao seu funcionamento:

- Ficam suspensas as atividades acadêmicas presenciais por período indeterminado, devendo ser retomadas no momento em que as autoridades sanitárias manifestarem o retorno das condições para o convívio social.

Recife, 27 de março de 2020.

Universidade de Pernambuco
Prof. Pedro Henrique de Barros Falcão

Universidade Federal Rural de Pernambuco
Profa. Maria José de Sena

Universidade Federal de Pernambuco
Prof. Alfredo Macedo Gomes

Universidade Católica de Pernambuco
Prof. Dr. Pe. Pedro Rubens Ferreira Oliveira

Universidade Federal do Vale do São Francisco
Prof. Julianeli Tolentino de Lima

Universidade Federal do Agreste de Pernambuco
Prof. Airon Melo

Instituto Federal de Pernambucano
Profa.  Anália Keila Rodrigues Ribeiro

Instituto Federal do Sertão de Pernambucano
Profa. Maria Leopoldina Veras Camelo 

Central de doações remota é estruturada para auxiliar no atendimento às necessidades da rede pública estadual no combate ao coronavírus

Engajada no Comitê Estadual Socioeconômico de Enfrentamento ao Coronavírus, a Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper) acaba de estruturar uma central remota para receber doações em geral, tanto de pessoas físicas, reunidas em grupos, quanto de empresas. Por conta da pandemia, o Governo de Pernambuco está com várias frentes de trabalho abertas e, com essa ação, a Agência, que é ligada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, poderá contribuir para atender às maiores e urgentes necessidades da rede pública estadual. Para combater a disseminação do vírus são necessários, por exemplo, insumos e EPIs (máscaras, álcool gel e álcool líquido 70) e produtos de limpeza.

Os interessados em contribuir terão dois caminhos para escolher. Uma opção é indicar os produtos que tem disponíveis entrando em contato com a AD Diper pelo e-mail doacoescovid19@addiper.pe.gov.br. A outra forma é comunicar-se pelos telefones 81 99488 2149 ou 81 99488 3777. Funcionários da Agência estarão a postos nesses dois canais para registrar as ofertas, direcionar os contribuintes para os locais da entrega direta nos depósitos do Governo de Pernambuco ou para agendar a retirada dos materiais nos endereços indicados pelos doadores, a depender da quantidade de produtos e urgência, já que a AD Diper possui frota de veículos com caminhão.

Antes mesmo de a central ser lançada, dez empresas instaladas em Pernambuco já abraçaram a causa e colaboraram com a central. Com o serviço no ar, a intenção é ampliar o número de apoiadores. Além disso, com a estrutura organizada, o serviço de identificação de doadores e respectivos produtos se tornará mais ágil e eficiente, fazendo com que as demandas dos serviços públicos possam ser atendidas com mais precisão.

Para cruzar as necessidades da rede pública estadual com a disponibilidade dos doadores, a AD Diper está trabalhando com monitoramento em tempo real e, a depender da quantidade dos produtos, poderá até fazer o transporte dos insumos, nos endereços indicados, até os depósitos que o Governo do Estado montou com tal finalidade.