segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Diogo Moraes pleiteia alternativas para reabertura do CSU da Imbiribeira

Vice-líder do Governo na Assembleia Legislativa de Pernambuco, o deputado estadual Diogo Moraes (PSB) visitou, na manhã desta segunda-feira (11), o Centro Social Urbano Afrânio Godoy, conhecido como CSU da Imbiribeira, para pleitear a reforma e reabertura do espaço. Ao lado do vereador Aerto Luna (PSB), Diogo Moraes destacou a importância do local para capacitação e qualificação da comunidade da Zona Sul da cidade, que era beneficiada com cursos para população de baixa renda. O deputado solicitou a presença do secretário executivo de Assistência Social, Joelson Rodrigues, para reforçar a importância da solicitação.



“Estamos aqui no CSU da Imbiribeira, junto com Aerto e Joelson. Viemos ver em loco como se encontra o CSU e pensar em alternativas para recuperar esse espaço tão importante, colocar mais vida na vida do povo da Imbiribeira dando a esse centro mais produtividade, qualificação para juventude, para pessoas que estão procurando emprego, para quem quer aprender através do Ensino de Jovens e Adultos, num curso de costura, cabeleireiro e tantos outros. Queremos dar vida a esse espaço e vamos nos colocar à disposição do Governo do Estado para auxiliar com o que for preciso”, afirmou o deputado.
O parlamentar já se reuniu com o secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Sileno Guedes, para falar da necessidade de reformar o local.
Durante a visita, o vereador Aerto Luna reforçou a necessidade de reestruturar o CSU. “O sentimento é de esperança para ver esse centro trazendo renda na vida das pessoas. As pessoas precisam de emprego e renda. Esse espaço tem condições de fazer com que vida das pessoas sejam transformadas”, afirmou Aerto. 
“A Secretaria de Desenvolvimento Social espera contar com apoio da Assembleia, para obter mais recursos para que a gente retome as atividades de empregabilidade, emprego e renda e as pessoas possam voltar a utilizar esse espaço. Esperamos muito em breve ter novas perspectivas”, afirmou Joelson Rodrigues.

FOTOS: Divulgação 

Diogo Moraes prestigia 5ª edição do Festival do Abacaxi em São Lourenço da Mata

Neste domingo (10), o deputado estadual Diogo Moraes marcou presença na 5ª edição do Festival do Abacaxi de São Lourenço da Mata, realizado na zona rural, no Assentamento Velho I. O evento, criado pelo vereador Antônio Manga tem objetivo de evidenciar e festejar a larga produção da fruta na cidade. A festa contou com a participação de centenas de agricultores, representantes da categoria e autoridades locais. Na ocasião, o parlamentar aproveitou para anunciar a destinação de emenda parlamentar de 2020 para aquisição de um trator com grade completa para a Associação de Pequenos Produtores Agricultores Rurais dos Engenhos Concórdia e Santa Cruz.

Apesar de ser amigo do vereador Manga de longa data, Diogo Moraes se aproximou politicamente da cidade há alguns meses. Entretanto, vendo a necessidade dos agricultores rurais, o parlamentar se prontificou em ajudar os produtores familiares. “Hoje foi um dia muito especial! O veículo que será adquirido com a nossa emenda parlamentar no valor de R$ 150 mil poderá ser utilizado por todos os agricultores familiares da cidade. Para mim é uma alegria muito grande poder contribuir um pouquinho para o fortalecimento da produção deste povo tão batalhador do campo. Hoje, as mais de 1.200 famílias que vivem da agricultura fazem todo o preparo da terra de forma manual”, afirmou Moraes, que finalizou sua fala assinando o documento que oficializa a destinação da emenda parlamentar.

Ainda em São Lourenço da Mata, Diogo Moraes e Antônio Manga visitaram as plantações de Abacaxi localizadas na zona rural do município. “Aproveitei para ver de perto as plantações ao lado do amigo Rivelino, representante da categoria e do vereador Manga. Com os incentivos e capacitações que estamos articulando junto ao Governo de Pernambuco, pretendemos aumentar ainda mais essa produção agrícola e desenvolver o município que hoje conta com mais de 120 mil habitantes”, declarou. Já o vereador Manga comemorou outra novidade para o município, que é a inclusão do Festival do Abacaxi no Calendário Oficial de Datas e Eventos de Pernambuco. “O Festival agora é Lei. Será oficial em nosso Estado. Isso é motivo de muita alegria e orgulho para nós. Isso por que, com essa inclusão, será possível solicitar o apoio do Governo de Pernambuco para as próximas edições, fortalecendo o evento e a cidade como grande produtora de Abacaxi em nosso Estado”, destacou Manga.







Durante o evento, também estavam presentes o prefeito Bruno Pereira e o ex-deputado Jairo Pereira, o deputado estadual Doriel Barros, os vereadores Deto e Cícero, Cícera Nunes, Paulo Roberto da FETAPE, Mário e Nóbrega representantes dos sindicatos da categoria e Iraneide, da Fadurpe.

Assessoria de Comunicação - Deputado Diogo Moraes

Frente Parlamentar de Segurança ouve demandas da população de Caruaru

A segunda audiência pública da Frente Parlamentar de Segurança Pública no Interior do estado foi realizada na última sexta, em Caruaru, no Agreste Central. Deputados, representantes das Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, vereadores e moradores da cidade discutiram as estatísticas da violência e as medidas a serem adotadas para reduzir os índices de criminalidade no município e na região. O secretário executivo de Defesa Social, Humberto Freire, também participou do evento, promovido na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).
Na abertura da reunião, o coordenador da Frente Parlamentar, deputado Delegado Erick Lessa, do PP, apresentou estudo elaborado pela Consultoria da Alepe a partir de dados do Portal da Transparência e do Pacto pela Vida. Segundo o levantamento, na Região de Desenvolvimento do Agreste Central, o número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) era de 74 por cem mil habitantes em 2017 e, em 2018, atingiu a marca de 50 por cem mil habitantes. Apesar da queda registrada, Lessa acredita que, em Caruaru, houve estagnação no combate à criminalidade, na comparação com as estatísticas de 2018.
O deputado também mostrou preocupação com o aumento dos casos de violência contra a população feminina. E anunciou emenda ao orçamento de sua autoria, com o objetivo de reestruturar o prédio onde funciona a Delegacia da Mulher da cidade. “Uma emenda  significativa pra que a Delegacia da Mulher de Caruaru possa ter uma estruturação mais ampla, com atendimento psicossocial, com uma estrutura realmente, uma infraestrutura. Inclusive nós ouvimos  o depoimento de uma mulher que esteve na Delegacia da Mulher no sábado, e estava fechada a Delegacia da Mulher. Então isso tudo nós pudemos levar diretamente ao chefe da Polícia Civil e ao secretário executivo de Defesa Social, pra que respostas sejam dadas.” 
O secretário executivo de Defesa Social, Humberto Freire, falou, em seguida, sobre o trabalho desenvolvido na Área Integrada de Segurança (AIS) sediada em Caruaru, e que abrange outras 14 cidades. O gestor apontou a redução dos homicídios em 38% no município, média maior que a do estado. De acordo com Freire, esse resultado se deve a uma forte reação do Governo no combate à criminalidade, iniciada em 2017: “A contratação de 2.800 policiais militares, mais 500 estão na Academia, mais de 1.200 policiais civis e policiais da polícia científica, e também mais 500 hoje na Academia.  Além disso, a gente teve investimento em meios: novas viaturas, renovação de frota, motocicletas para a Polícia Militar, que é um meio mais ágil de atendimento a ocorrências, estamos investindo muito em tecnologia”.
Ainda de acordo com o secretário, o índice de resolução dos Crimes Violentos Letais Intencionais segue uma tendência crescente. Em 2017, houve 262 em Caruaru, dos quais 48% foram solucionados. Já este ano, ocorreram 144 casos, com índice de conclusão de 53%. Também presente, o chefe da Polícia Civil, Joselito Kehrle, atribuiu esse resultado ao esforço de toda a corporação.
Mas a sensação de insegurança permanece, na avaliação da líder comunitária Sandra Moura, moradora do residencial Luiz Bezerra Torres, onde vivem mais de dez mil famílias. Ela fez um apelo às autoridades presentes no sentido de que o policiamento na localidade seja reforçado: “Prá você ter noção, lá é um bairro afastado do centro e que o Uber, táxi, mototáxi, eles não estão querendo ir devido ao índice de criminalidade. E outra: pode não tá na estatística, mas todo dia tem assalto. É um bairro como outro qualquer, é! Só que lá são mais de dez mil famílias, e a gente tá clamando, e clamou por justiça, pra que o policiamento vá mais frequente”.
Também participaram da reunião os deputados Álvaro Porto, do PTB, e Alberto Feitosa, do Solidariedade. Porto salientou a importância de conhecer a realidade de quem vive no Interior e de encaminhar as demandas populares às autoridades. A taxa de resolução dos crimes alcançada em Pernambuco foi considerada “um marco” por Feitosa. Segundo o deputado, o percentual é quase 15% maior que o obtido pelo estado de São Paulo.
A próxima audiência pública da Frente Parlamentar de Segurança será em Serra Talhada, no Sertão do Pajeú, no próximo dia 25. E, no dia seis de dezembro, o grupo vai conhecer a realidade da segurança pública em Palmares, na Mata Sul.

domingo, 10 de novembro de 2019

Confira a movimentação deste domingo no Moda Center


Até o dia 30 dezembro, o Moda Center Santa Cruz está realizando suas feiras aos domingos e segundas, das 6h às 18h. A alta temporada atrai clientes em busca de novidades, especialmente para abastecer as lojas para as festas de fim de ano.

Estima-se que neste domingo aproximadamente 90 mil pessoas tenham passado pelo centro de compras. Esse número tende a crescer, podendo chegar a até 150 mil por feira, especialmente no início do mês de dezembro.

Confira as imagens deste domingo:



























sábado, 9 de novembro de 2019

Paulo Câmara recebe comissão de senadores para balanço sobre o óleo

O governador Paulo Câmara, ao lado do secretário estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade José Bertotti, recebeu, nesta sexta-feira (08.11), a comissão especial de senadores que monitora o vazamento de óleo nas praias do Nordeste. Estiveram no Palácio do Campo das Princesas os senadores Fabiano Contarato (ES), Jean-Paul Prates (RN), Randolfe Rodrigues (AP) e Humberto Costa (PE), além de representantes da bancada na Câmara Federal, como os deputados João Campos, Carlos Veras e João Daniel (SE). No encontro, Paulo Câmara fez um balanço das ações do Governo Estadual para dar combate ao desastre ambiental provocado pelo derramamento de óleo no litoral.

De acordo com José Bertotti, o governador apresentou as iniciativas que vêm sendo desenvolvidas no Estado desde o dia 2 de setembro, momento-chave em que se descobriu que o óleo que atingiu o litoral de Pernambuco não era o mesmo do vazamento da Refinaria Abreu e Lima. "Nesse momento, solicitamos ao Ibama e à Capitania providências para que de imediato o Plano Nacional de Contingência fosse colocado em prática”, afirmou Bertotti, que criticou a demora de resposta do Governo Federal e a falta de identificação concreta desse caso.

“Da nossa parte, pudemos documentar, entregamos uma pasta com todos os ofícios que foram feitos pelo Estado: à Marinha, ao Ministério do Meio Ambiente, ao Ministério da Defesa e à Agência Nacional de Petróleo. E levantamos as questões que são mais importantes em nossa opinião. A primeira medida, o Governo Federal só tomou 37 dias depois, fazendo com que uma comissão fosse instaurada para identificar a fonte do vazamento. Infelizmente, até o momento não temos uma informação precisa de qual é a fonte do vazamento”, lamentou o secretário de Meio Ambiente, que seguiu falando sobre as ações do Governo Estadual.

“Temos equipes mobilizadas em todas as praias atingidas, fazendo monitoramento principalmente das áreas mais sensíveis, que são 14, bem como os estuários que foram afetados, nossos arrecifes e nossos corais. Existem equipes de mergulhadores fazendo ações para retirada do material, coleta de água, coleta de análise, para dar mais tranquilidade à população”, acrescentou Bertotti.

Para o senador Humberto Costa, os esforços desenvolvidos pelas comunidades, prefeituras e Governo do Estado merecem destaque. “Por parte do Governo Federal, houve apenas um esforço maior da parte da Marinha. Em relação à produção de informações ou a um empenho mais efetivo por parte dos órgãos nacionais, isso foi muito pouco. Particularmente, do Ministério do Meio Ambiente. Faltam informações, faltam documentos oficiais, falta o apoio para que esse trabalho venha ser feito, e principalmente, faltam medidas que possam minimizar o drama, para além do desastre ambiental, que é a precariedade da situação econômica das comunidades que sobrevivem tanto das atividades de pesca quanto do turismo”, argumentou o parlamentar.



Humberto Costa comentou ainda as ações futuras que deverão ser empenhadas em Brasília pela comissão. “Vamos levar primeiro essa avaliação de uma subestimação por parte do Governo Federal do que aconteceu e também propostas para que haja socorro urgente e imediato aos trabalhadores e àqueles que dependem da pesca e do turismo", disse. De acordo com o senador, é preciso garantir algum tipo de suporte emergencial, de recursos ou empréstimos para essas comunidades, especialmente os pescadores, uma vez que a quantidade de profissionais cadastrados no seguro-defeso é muito pequena. "É preciso fazer alguma coisa nesse sentido. É preciso produzir análises urgentes que comprovem a qualidade dos frutos do mar, para que a atividade econômica possa acontecer”, finalizou.


Fotos: Heudes Regis/SEI

Ações para educação do Agreste e Sertão pernambucano são abordadas por Diogo Moraes em reunião com Frederico Amâncio


Nesta quinta-feira (07), o deputado Diogo Moraes, vice-líder do governo na Alepe, esteve reunido com o secretário de Educação de Pernambuco Frederico Amâncio. Na ocasião, o parlamentar apresentou demandas de seu mandato relacionadas a pasta, a exemplo da implantação de uma unidade de Escola de Referência no município de Santa Cruz do Capibaribe. Além disso, também conversaram sobre as futuras ações da Secretaria e a possibilidade da destinação de emendas parlamentares para reforçar os recursos da Educação pernambucana.

Para Diogo Moraes, a educação é uma área prioritária de seu mandato. “Já pedi notas técnicas para analisar e destinar nossas próximas emendas. Solicitei que seja incluída na programação da pasta a construção de uma nova Escola de Referência em Ensino Médio em Santa Cruz, que é uma cidade pujante e tem demanda de ampliação da rede de ensino médio. Também falei sobre a necessidade de investir em cursos técnicos na área têxtil e tecnológica”, afirmou Diogo.

Ainda tratando do Agreste, o parlamentar reforçou seu pedido de reforma e cobertura da quadra poliesportiva da Escola André Cordeiro. Segundo o secretário, a ação será realizada em breve. Aproveitando a audiência com Amancio, Moraes tratou ainda de pedidos para o Sertão pernambucano, entre as cidades, Iguaracy e Sertânia. “Solicitei a inclusão de Iguaracy e Sertânia no programa de Educação Integral do Ensino Fundamental. Também falei da situação da EREM Rosete Bezerra de Souza, em Iguaracy, que possui 197 alunos mas terá 200 matrículas em 2020, necessitando de ampliação e construção de novas salas e laboratórios para acompanhar a nova demanda”, acrescentou o deputado. Diogo reforçou ainda a necessidade da reforma e instalação de cobertura das quadras das Escolas Estaduais Amaro Lafayete e Professor Jorge de Menezes.

Frente Parlamentar - O deputado também aproveitou a reunião para convidar Frederico Amâncio e sua equipe técnica para a 2ª Audiência Pública da Frente Parlamentar de Combate à Automutilação e ao Suicídio, a ser realizada na Alepe no dia 27 de novembro. “O secretário está atento à temática no âmbito educacional, por isso, muito engajado em ajudar de todas as formas na Frente Parlamentar”, frisou Diogo.

Caruaru Shopping sorteia quatro carros na Campanha de Natal

O Caruaru Shopping já está com a realização da campanha promocional ‘Um encanto de Natal’. A ação, que teve início no dia 1º de novembro, segue até 31 de janeiro de 2020. Este ano o centro de compras e convivência estará sorteando quatro carros 0 Km – Renault Kwid.

A cada R$ 300 em compras, o consumidor terá direito a um cupom para participar da promoção. As trocas devem ser feitas no estande que funciona de segunda a sábado, das 10h às 22h, e, aos domingos, das 11h às 21h, próximo ao cinema. O sorteio acontecerá no dia 31 de janeiro de 2020, às 20h.

No Caruaru Shopping são mais de 200 lojas com tudo o que você precisa para o seu Natal!

O Caruaru Shopping fica localizado na Avenida Adjar Casé, 800, Bairro Indianópolis.

Caruaru Shopping sedia Expo Natalina

O Caruaru Shopping está sediando, de 1º de novembro até 3 de dezembro, a Expo Natalina. A mostra acontece no corredor do hipermercado, no mesmo horário de funcionamento do centro de compras e convivência, isto é, de segunda a sábado, das 10h às 22h, e, aos domingos, das 11h às 21h. A entrada é gratuita.

“Quem for visitar a Expo Natalina encontrará belíssimos artigos ligados à época, como peças de decoração, mesas decoradas para montar uma ceia especial, presépios, árvores natalinas, papais noéis, entre outros adereços que servirão como inspiração para montar o ambiente perfeito para o final de ano”, afirmou Cleide Santos, promotora do evento.

O Caruaru Shopping está localizado na Avenida Adjar da Silva Casé, 800, Bairro Indianópolis.

quinta-feira, 7 de novembro de 2019

Operação Têxtil 2019: Aumento de 33% nos recursos financeiros para segurança pública do Polo de Confecções do Agreste

Durante o lançamento oficial da Operação Têxtil 2019, realizado nesta quinta-feira (07) no Moda Center Santa Cruz, em Santa Cruz do Capibaribe, o secretário executivo da SDS-PE Humberto Freire declarou aberta a Operação Têxtil. Durante o evento, que contou com a presença do deputado Diogo Moraes, o executivo anunciou aumento da verba para a operação policial que reforça as atividades durante o período de maior movimento nas feiras do Polo de Confecções do Agreste. A iniciativa do Governo de Pernambuco segue até dia 30 de dezembro e contará com um efetivo de mais de 600 profissionais entre policiais militares, civis e corpo de bombeiros. Evento contou com a participação de prefeitos da região, vereadores e lideranças, além da imprensa local. 

Em sua fala, o deputado Diogo Moraes destacou que a Operação Têxtil foi idealizado ainda em 2016. “Nós trabalhamos arduamente para que tivéssemos essa operação integrada envolvendo as Polícias e todos os entes de segurança pública de Pernambuco. Não é fácil. Precisa de planejamento. Mobilização. Investimentos. Está Operação colocada em calendário desde 2017 tem sido um sucesso nas duas últimas edições”, declarou Moraes. 

O deputado representante do Polo de Confecções elogiou ainda a gestão do governador Paulo câmara com relação a redução da criminalidade. “A Operação  Têxtil tirou barreiras e bairrismos entre os 3 municípios do Polo: Santa Cruz, Toritama e Caruaru. Comungou com outros municípios. O Governo de Pernambuco agregou muito também neste sentido”, acrescentou Diogo.  

Por sua vez, o Secretário Executivo Humberto Freire falou da satisfação de estar na região para falar da atividade que já chega a 3ª edição. “Quem vê a operação acontecendo pode não conhecer o quanto é grande e difícil tirar do papel esse planejamento. Recursos também, como disse Diogo Moraes, em anos de crise, em todo Brasil, a dificuldade aumenta ainda mais pra conseguir. Mas temos sim governador que realmente no exercício da sua atividade de governar, elegeu prioridades. Segurança é uma delas”, decorou. 

Segundo Freire, a partir de 2017 foi elaborado plano de reação para combater um momento de crise na segurança. “Desde então, Paulo câmara tem nos liderado nessa estrada. Tivemos Investimentos na contratação de novos profissionais. Só de Policiais militares foram 1500 em 2017, 1300 em 2018, 500 que se formarão agora em 2019. Mais 60 do CBM para começar a atuar em dezembro. Serão mais 800 policiais na policia civil e 500 na polícia científica. É um investimento sem precedentes”, afirmou. 

Segundo Freire, em 2019 a SDS-PE está aumentando a verba da Operação Têxtil na ordem de 33%. “Em 2018 os recursos foram de R$ 123 mil. Neste ano, será de R$ 164 mil reais aplicados nesses 60 dias de operação. O investimento será em diárias, PJES, Combustível pra que mais efetivo seja disponibilizado nessa região. 

Por isso, declaro aberta a Operação Textil 2019 desejando a todos profissionais de segurança que estarão na atividade um ótimo trabalho, para atingir as metas e superar os índices das operações anteriores”, finalizou o executivo da pasta.





Autoridades presentes: o comandante do 8° Grupamento de Bombeiros Militar, tenente-coronel Saulo Gusmão; o diretor adjunto do Interior I da Polícia Civil, Delegado Sérgio Moura; O diretor adjunto do Interior I, delegado Sérgio Moura; o diretor adjunto integrado do Interior I, coronel Tibério César; o perito criminal e superior da unidade regional da Polícia Científica Caruaru, Ismar Bruno; o comandante do 24° BPM, tenente coronel Lúcio Flávio; o delegado seccional, Flaubert Queiroz; os deputados estaduais Erick Lessa e Alessandra Vieira; os prefeitos Edson Vieira, de Santa Cruz do Capibaribe; Edilson Tavares, de Toritama; Ivanildo Lero, de Taquaritinga do Norte; e de Antônio de Roque, de Jatauba; o presidente da Câmara de Vereadores, Augusto Maia e vereadores da base do governo estadual e o síndico do Moda Center Santa Cruz, José Gomes.

Fotos: Ascom

Operação Têxtil 2019, de reforço à segurança na temporada de final de ano, é lançada no Moda Center


O mês de novembro é marcado pelo início do período mais importante do ano para o comércio de artigos de moda e vestuário no Polo de Confecções de Pernambuco. É nele que se tem o maior registro de compradores de vários estados que se dirigem aos parques de feiras sediados nas cidades de Santa Cruz do Capibaribe, Toritama e Caruaru. Com objetivo de reforçar a segurança de milhares de clientes e comerciantes desses centros no período, foi lançada a terceira edição da Operação Têxtil.




O lançamento da operação, que integra efetivos e grupamentos das polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros e Guardas Municipais, aconteceu no Centro de Eventos do Moda Center e contou com várias autoridades, entre elas os prefeitos Edilson Tavares (MDB - Toritama); Edson Vieira (PSDB - Santa Cruz do Capibaribe); Ivanildo Lero (PR - Taquaritinga do Norte) e Antônio de Roque (MDB - Jataúba), além dos deputados estaduais Alessandra Vieira (PSDB), Diogo Moraes (PSB) e Erick Lessa (PR).

Também estiveram presentes o titular da delegacia municipal de Polícia Civil, delegado Flaubert Queiroz, o supervisor regional da polícia científica em Caruaru, Esmar Bruno, o Secretário Executivo de Defesa Social de Pernambuco, Humberto Freire e o Síndico do Moda Center, José Gomes Filho. Este último, durante sua fala, ressaltou a importância das ações que serão realizadas.


“Quando nosso governador tem um olhar diferente, temos que agradecer e isso mostra o quão pujante é essa região, que precisamos de apoio. Batemos à porta da SDS várias vezes e, graças a Deus, essa Operação Têxtil virou rotina e isso é muito importante para nossa economia. Não só nós precisamos dessa segurança, mas também nossos compradores. Nós cobramos, mas também agradecemos a todas as pessoas e entidades envolvidas”, pontuou o síndico.


Autoridades cobram mais frequência da Operação Têxtil

Os prefeitos de Toritama e Santa Cruz do Capibaribe, além dos deputados Alessandra Vieira e Erick Lessa, ressaltaram a importância da operação.  Porém, cobraram para que esta aconteça de forma permanente ou, pelo menos, nos dois períodos de aquecimento do comércio, que compreendem os meses de maio e junho e novembro e dezembro.


“Gostaria de fazer um pedido: que esse nosso trabalho, que fazemos com brilhantismo nesse final de ano em termos uma feira mais segura e forte com esse aparato, que pudéssemos fazer disso como uma ação permanente, para que possamos ter um ambiente de compras nos melhores moldes”, destacou Edilson Tavares.


“Vamos produzir mais de 800 milhões de peças só em 2019, mais de R$ 5 bilhões em riquezas. Esse polo precisa ser protegido e o processo de segurança pública é importante para que essas pessoas possam desenvolver essa economia, mesmo neste momento de crise. Faço coro aos que pedem esse suporte da segurança dessa Operação Têxtil o ano todo, ou pelo menos, também no período junino”, frisou Erick Lessa.


“Quero falar de minha ida na SDS no começo deste ano, para que se reforçasse essa segurança nos meses de maio e junho. Ele (o secretário) disse, naquele momento, que não teria mais como, porém, deixamos registrado para que, em 2020, fosse iniciada essa operação também nos meses de maio e junho. Precisamos do reforço semanalmente, pois só aqui no Moda Center e Calçadão, são mais de 50 mil pessoas trabalhando na feira, fora aqueles quem vêm comprar. Elas precisam ter segurança”, disse Alessandra.


“Não poderia deixar de participar desse momento e parabenizar a todos que fazem parte da segurança pública não só aqui, mas nas demais cidades e em todo o Estado. Estamos no apoio a esses parceiros e, neste momento em que lançamos mais essa operação, mesmo sabendo das dificuldades financeiras que existem, peço para que possamos ter esse reforço também no meio do ano”, reafirmou Edson Vieira.


Secretário da SDS destaca quantitativo de homens para Operação Têxtil

Pouco tempo depois, coube ao secretário Humberto Freire destacar os efetivos que farão parte da terceira Operação Têxtil. De acordo com ele, serão mais de 1.700 homens atuando nos meses de novembro e dezembro em várias frentes, indo desde o apoio tático-aéreo em conjunto com as operações em terra, o reforço nas equipes através da compra de folgas por meio do Programa de Jornada Extra de Segurança (PJES) e uma Delegacia Móvel de Polícia Civil, já em funcionamento no Moda Center. Ele ressaltou números da diminuição da criminalidade do estado e a importância de mais essa ação.


“Em 2017 lançamos o primeiro ano da Operação Têxtil e quem vê ela acontecendo pode não conhecer o quanto é difícil tirá-la do papel. Temos que planejar, buscar recursos mesmo em tempos de crise, mas temos um governador que tem como prioridade a segurança. Estamos com quase 24 meses na redução de homicídios e o 26º na redução de crimes contra o patrimônio, graças ao investimento em novos profissionais e, ano a ano, temos apresentado resultados positivos. Desde o início de novembro, estamos fazendo essa terceira edição, que conta com 646 policiais militares, 174 policiais civis, 120 da polícia científica e 300 do Corpo de Bombeiros Militar, além de 90 homens do grupamento tático-aéreo da SDS. O resultado disso vocês conhecem na prática, com a diminuição dos índices de criminalidade”, pontuou.


Diogo Moraes ressalta união de municípios em torno da Operação Têxtil

Principal representante político da base governista no evento, o deputado ressaltou a união entre municípios no esforço às ações de segurança desencadeadas com a operação.


“Ela acabou com os bairrismos que existiam entre Santa Cruz e Caruaru, além de trazer as cidades de Jataúba, Vertentes e Taquaritinga do Norte. Segurança pública tem que ser tratada de forma apolítica e com responsabilidade como temos tratado. Fico muito feliz nesta terceira edição, de ela estar integrada ao calendário oficial de segurança, para que possamos trazer os números reais dessa queda da criminalidade. Com esse início de operação, tenho certeza que, ao final, tudo dará certo e o povo é que sairá ganhando”, concluiu.