sábado, 16 de março de 2019

Livraria Offício entrega prêmios de mais uma promoção sucesso

Essa semana foram sorteados e entregues os prêmios da tradicional promoção da Livraria Officio.  O primeiro tablet saiu para Cauany Vitória, o segundo tablete para o pequeno Victor Hugo e os R$400 para o Miguel Lucas. Parabéns aos sorteados e parabéns Livraria Officio pelo sucesso de mais uma promoção.


Síndico do Moda Center participa de apresentação da AD Diper em Recife

Na quarta-feira (13), no auditório da Assembleia Legislativa de Pernambuco, aconteceu a apresentação do presidente da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), Roberto Abreu, para a Comissão de Desenvolvimento Econômico e Turismo (CDET) da Alepe, presidida pelo deputado estadual Erick Lessa (PP).


A o evento foi prestigiado por diversas autoridades, empresários, integrantes de federações, associações comerciais e câmaras de dirigentes lojistas de várias regiões do estado. O Polo de Confecções se fez presente com as cidades de Toritama, Caruaru e Santa Cruz do Capibaribe, esta última representada pelo síndico do Moda Center Santa Cruz, José Gomes Filho e José Climério, presidente da Associação Empresarial de Santa Cruz do Capibaribe (Ascap)

O novo presidente da AD Diper apresentou as estratégias para retomada do crescimento do estado, citando questões tributárias e especificas de cada região, a exemplo do Polo de Confecções.

“A missão da AD Diper e apoiar os arranjos produtivos no estado. Nós temos duas áreas distintas de funcionamento, uma de atração de investimentos e outra de apoio aos arranjos produtivos. A atração de investimento trabalha os recursos vindos de fora do estado tentando levando-os para o interior. Quando isso não é possível, nós fazemos o apoio diretamente aos arranjos produtivos. Isso faz parte da política de interiorização de desenvolvimento da entidade. Até o final do mês, estaremos definindo e publicando nossa política de convênios para os arranjos produtivos, para que eles possam se desenvolver”, pontou Roberto Abreu.

O síndico do Moda Center classificou a apresentação como positiva. “Creio que a daqui para frente iremos colher bons frutos. O presidente se mostrou muito aberto para as questões da nossa região; fiz algumas solicitações e estou esperançoso que sejamos atendidos. Convidei o mesmo para no próximo dia 3 de abril participar do lançamento do EMP 2019, no Moda Center. De imediato o convite foi aceito. Isso é muito positivo para nós, pois ele conhecerá de perto a nossa realidade”, comentou José Gomes Filho.

O gestor do centro de compras aproveitou a oportunidade para solicitar ao Governo Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, que seja feita uma pesquisa no Polo de Confecções para medir o impacto social e econômico gerado pela confecção no agreste. 


O convite para as entidades santa-cruzenses participarem desse encontro foi feito pela deputada estadual Alessandra Vieira (PSDB), que é membro da Comissão de Desenvolvimento Econômico e Turismo, reforçado pelo seu presidente Erick Lessa.

Dia Internacional da Mulher: Moda Center promove roda de conversa para colaboradoras

´Como ser mulher na contemporaneidade’, esse foi o tema da roda de conversa que o Moda Center Santa Cruz realizou ontem (14) para as colaboradoras, em alusão ao Dia Internacional da Mulher. O evento contou com a participação da Coordenadoria da Mulher de Santa Cruz do Capibaribe. Ao longo da tarde, foram debatidos assuntos sobre as dificuldades encontradas diariamente por elas, sejam no local de trabalho ou fora dele.


De acordo com a assistente social e técnica da coordenadoria, Tereza Àvila, o evento foi de grande importância, especialmente do ponto de vista de inspiração. “O Moda Center está de parabéns por ter realizado um evento como esse, pois, além de ter sido uma oportunidade para mostrar às colaboradoras os serviços que oferecemos, percebemos que as muitas histórias contadas aqui foram inspiradoras para todas, pois mostrou a superação de cada mulher. Elas foram vistas, ouvidas, reconhecidas e admiradas”, completou.

Para a coordenadora Nete Vieira, o fato de contar histórias de superação num círculo formado especialmente por colaboradoras de uma mesma organização, gera uma proximidade entre todas que estavam presentes. “Neste momento que passamos com elas, tivemos conhecimento da história de vida de algumas, histórias de empoderamento e poder feminino que passaram força para todas elas. Com o que conversamos e ouvimos delas, temos a certeza que todas saíram com muitos ensinamentos”, disse Nete.

Quatro dessas histórias foram narradas em forma de conto. Para “Margarida”, a oportunidade de poder contar sua história de vida foi mais do que se expressar. “Foi uma experiência muito gratificante ter a minha história escolhida para ser contada. No começo, fiquei tímida, pois estava diante de muitas mulheres. Enquanto minha história era contada, vi no rosto de algumas a expressão da minha própria mãe quando me assumi. E poder escrever sobre minha história, me passou uma grande sensação de alívio. Nós temos que ser quem somos e não nos esconder. Nós devemos ser inspiradoras, e com o que foi contado de mim hoje, espero ter ajudado pelo menos uma delas que estava aqui”, relatou.


Trechos das histórias

“Quero ser exemplo pra ele (filho). Quero que ele me veja como uma pessoa que tudo pode fazer, pois mesmo com minhas limitações eu faço tudo. Quero que ele saiba que também pode, basta querer”, Camélia.

“De tudo eu fazia na minha vida, cortava cana, era ‘bituqueira’ – de encher caminhão e carroça. Já teve safra de eu tirar com 40 homens e só eu de mulher”, Jasmim.

“Eu nunca imaginaria que aquela criança que fazia o parto dos gatinhos continuaria fazendo partos de pessoas. Hoje compreendo que avida nos prepara”, Rosa.
“Vamos ser quem nós somos, nos aceitar como somos, lutar pelos nossos objetivos. E lá na frente iremos colher tudo o que temos direito, sempre analisando que o que custa sua paz é caro”, Margarida.

Os nomes Margarida, Camélia, Jasmim e Rosa são fictícios, e foram alterados para preservar a identidade das colaboradoras.

Agreste Tex 2019 contará com desfiles de lançamento do Estilo Moda Pernambuco



A 4ª edição da Agreste Tex 2019, Feira de Máquinas, Serviços e Tecnologias para a Indústria Têxtil contará, no dia 20 de março (quarta-feira), com uma novidade este ano: o lançamento comercial do Estilo Moda Pernambuco (EMP) em formato de desfile exclusivo para a feira. A Agreste Tex acontecerá no Polo Comercial de Caruaru de 19 a 22/3, no Polo Comercial de Caruaru.

As apresentações são uma forma dinâmica de divulgar o EMP para o público participante da Agreste Tex. Os desfiles acontecem às 19h e às 20h, no estande da Makital, e vão trazer uma pequena amostra da diversidade do mix de produtos oferecidos pelo Moda Center Santa Cruz, como moda feminina, masculina, infantil, praia, fitness e plus size. O objetivo também é reforçar a qualidade das roupas produzidas no Polo de Confecções de Pernambuco e encontradas no maior centro atacadista de confecções do país e promotor do EMP. A produção dos desfiles é de Danilo Nunes.

O EMP – Estilo Moda Pernambuco tem como objetivos promover negócios, conhecimento e divulgar a moda produzida no Agreste do estado. O encontro será realizado de 25 a 29 de julho, no Centro de Eventos do Moda Center Santa Cruz, promotor do EMP, em Santa Cruz do Capibaribe.  O tema escolhido para a quarta edição do evento é “Moda 4.0”. A programação está sendo definida e será anunciada em breve. A ideia é continuar contando com grandes nomes nacionais e especialistas sobre o tema que norteará todas as atividades realizadas durante o evento.

Assim como no ano passado, o EMP 2019 terá acesso gratuito para o público participante. Já as empresas da cadeia produtiva do setor de confecções e as que prestam serviços para essas empresas terão três formas de participar de um dos eventos de moda mais importantes do estado: adquirindo a cota exclusiva de apoio institucional, patrocinando o evento ou realizando desfiles comerciais ou conceituais.


Os interessados em reservar espaço para a sua marca associando-a ao EMP e ao prestígio conquistado pelo Moda Center Santa Cruz já podem fazê-lo pelos telefones (81) 3759-1004 ou 99652-0590 (Neilton Gomes). Acompanhe as novidades sobre o EMP 2019 no www.estilomodapernambuco.com.br e no @estilomoda_pernambuco.

quinta-feira, 14 de março de 2019

Ouça o Programa Moda Center no Ar desta quinta-feira 14.03.2019

Deputadas homenageiam Marielle Franco no "Março de Lutas"

Nesta quinta-feira, à convite da presidente da comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, Gleide Ângela, a deputada estadual Fabíola Cabral participou do “Março de Lutas”, na Assembleia Legislativa de Pernambuco durante sessão do Grande Expediente Especial. A reunião foi para debater temas como o feminicídio, violência doméstica e familiar, tendo como gancho o primeiro ano do assassinato da vereadora Marielle Franco.


O encontro reuniu deputadas, vereadoras, secretárias, delegadas e advogadas, que num gesto representativo, seguravam girassóis. Todas se uniram numa homenagem às mulheres, e claro, a uma grande representante da classe, Marielle Franco. Entre outro nomes presentes, as deputadas Roberta Arraes, Simone Santana e Kátia Cunha, representante do Juntas, além da secretária da Mulher do Estado, Sílvia Cordeiro, a vice-presidente do Instituto Maria da Penha, Regina Célia e a advogada, Dani Portela. Apesar de sermos muitas e a maioria da população, ainda nos encontramos em situação de desigualdade na sociedade. No entanto, venho aqui para reiterar a minha força e o meu compromisso em lutar contra a opressão e em defesa da equidade dos nossos direitos”, afirmou a deputada Fabíola Cabral.

Durante o encontro as representantes do sexo feminino enfatizaram a importância de interiorizar os debates ligados ao respeito e dignidade da mulher, afinal a zona rural, por exemplo, não tem tanto acesso. O discurso deve ser levado para todo o Estado. Segundo a advogada Dani Portela, o que foi discutido na tribuna tem que ecoar fora daquele espaço. “A tribuna deve ser um anúncio popular em busca de uma luta pela garantia dos nossos direitos. Não vamos nos calar”, afirmou Portela.



Além disso, as participantes relembraram as conquistas e as lutas históricas das mulheres, como por exemplo, o direito ao voto em 1932. “Apesar de um cenário um tanto desolador, temos que concordar que já ultrapassamos muitas barreiras e demos grandes saltos. As Leis de Feminicídio, da Violência Doméstica, Maria da Penha e da Importunação Sexual são alguns dos exemplos desses nossos avanços”, pontuou a deputada Fabíola.

O ponto alto do encontro foi o momento sobre as investigações da Operação Lume. “Esse sentimento de impunidade se estende a diversos outros casos que continuam impunes. Quantas Marielles, Renatas, Marias, Joanas e Danielas ainda ficarão à mercê da violência? Quantas de nós mulheres vamos virar números e estatísticas? Não podemos depender da sorte. Isso precisa ter um basta!”, afirmou Fabíola. Na ocasião, as mulheres presentes reforçaram que quem matou a vereadora foi a sociedade patriarcal, a cultura machista e o preconceito. “Ficaremos aqui, de olhos abertos, atentos e não descansaremos enquanto Marielles, Renatas, Marias, Joanas e Danielas não puderem andar pelas ruas ou simplesmente irem para suas casas. Faremos nosso papel, de cidadã e de parlamentar. Estou aqui presente”reforçou Fabíola Cabral (foto).

Momentos antes do "Março de Lutas", a deputada estadual participou da sessão do Pequeno Expediente da ALEPE para reforçar a data e falou no pulpito. “Estamos aqui para combater o assédio sexual, o respeito ao corpo da mulher e a sua liberdade. Essa é uma luta nossa! Quando digo “nossa”, não me refiro ser uma bandeira restrita às mulheres, mas aos senhores e a toda a sociedade. Avançar nessas questões é fazer nossa nação progredir”, disse. Fabíola aproveitou para apresentar números e dados que ressaltam o aumento da violência contra mulher.

De acordo com o Departamento de Pesquisas Judiciárias do CNJ, no Brasil, em 2018, o aumento foi de 34% em relação a 2016. Em Pernambuco, foram 101 casos pendentes de feminicídios, uma variação de 146% nos últimos três anos. Pernambuco concedeu mais de 12 mil medidas protetivas em 2018, um aumento de 40% no mesmo período. Apesar da crescente violência contra mulher, esse aumento também deve-se ao fato de que, aos poucos, mesmo que timidamente esse tema deixa de ser tabú e faz entoar gritos para sair do silêncio.

Durante a tribuna, o discurso da deputada não se ateve às lutas sociais. Fabíola falou dos desafios dos novos tempos da mulher moderna, que tem que se dividir entre ser filha, mãe, esposa, dona de casa, chefe de família e profissional. “Seguimos, tendo que aprender novas formas para equilibrar família e profissão, no entanto agora também temos a nosso favor mais possibilidade de escolhas e maior poder de decisão. E essas novas possibilidades fazem parte do nosso crescimento e da nossa história. Foram nossas conquistas”, concluiu a deputada.





Prêmio Uma por Todas: Shopping Difusora presta homenagem a mulheres

Comemorado no último dia 08 de março, o Dia Internacional da Mulher é um marco de luta e perseverança por direitos e igualdade. Com o intuito de homenagear mulheres caruaruenses que são referências nas suas áreas de atuação, o Shopping Difusora prestará uma homenagem para 10 mulheres, nesta sexta-feira (15). O evento será realizado na Arena de Eventos, no primeiro piso do mall, a partir das 17h.

Na ocasião, as 10 mulheres estarão presentes para receber uma homenagem especial do Shopping Difusora. “No ano que o Shopping Difusora completa 10 anos, a intenção é enaltecer essa data emblemática em muitos outros segmentos e, no mês da mulher, fizemos questão de escolher 10 figuras públicas para homenagear, em nome de todas as outras”, destaca o gerente de Marketing do Shopping Difusora, Welter Duarte.


A lista de homenageadas contempla mulheres de vários segmentos: a capitã da polícia Militar Clarissa Martins, a juíza Gilka Miranda, a empresária Luiza Malta, a apresentadora Marcela Calado, a artesã Marliete Rodrigues, a educadora Mauricélia Montenegro, a motorista de ônibus Neide Neves, a prefeita de Caruaru Raquel Lyra, a cantora Rosimar Lemos e a presidente da Apodec Rosimery Maria.

Além de receber a homenagem, o evento contará com uma palestra de Rosy França, que vai abordar o tema “Da zona de conforto a zona de conflito: o desafio da mulher de hoje e a preservação da sua identidade – Como transformar mulheres guerreiras, fantásticas em líderes de ‘si’ mesmo”. No roteiro, o público presente ainda vai contar com uma apresentação especial da homenageada Rosimar Lemos.

Confira mais detalhes sobre cada uma das homenageadas:

Clarissa Martins
Clarissa Martins Mamede nasceu em 30 de maio de 1975. Ela cursou Letras na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Na polícia ela entrou no ano de 1994, no Curso de Formação de Sargentos. Em 2009, prestou concurso interno para a área de Formação de Oficiais. Como Oficial, a capitã Clarissa trabalhou na Corregedoria, no 22º Batalhão de Polícia Militar (BPM), em Surubim e no 4º BPM, em Caruaru.

Já atuou na Corregedoria Geral da SDS como Chefe de Equipe do Grupo Tático de Apoio Correcional, fiscalizando os policiais militares de serviço. Atualmente, coordena todos os programas sociais do 4º BPM: Patrulha Maria da Penha, Patrulha Escolar e Programa Educacional de Combate às Drogas e à Violência (PROERD). Além disso, ela é secretária do comando da Unidade e relações públicas.

Gilka Miranda
Gilka Maria Almeida Vasconcelos de Miranda, ou simplesmente Gilka Miranda, como é mais conhecida, nasceu na cidade de Palmares-PE, no dia 13 de dezembro de 1968. No ano de 1993 formou-se em Direito na Universidade Católica de Pernambuco (Unicap). É casada com o engenheiro Sérgio Barreto de Miranda, com o qual tem três filhos: Priscila (28 anos), Gilmar (26 anos) e Carol (16 anos). Possui especialização em Gestão Ambiental, através do qual, figura como membro da Comissão de Gestão Ambiental do Ministério Público de Pernambuco (MPPE).

Gilka Miranda já atuou como Promotora de Justiça em diversas comarcas em Pernambuco, entre, Gravatá, Bezerros, Bonito, São Caetano, Agrestina, Cupira, Jataúba e Toritama. É titular da 3ª Promotoria de Justiça da Cidadania de Caruaru (com atribuição em meio ambiente e urbanismo). Gilka Miranda também é presidente da Comissão de Memoriais e Gestão de documentos do MPPE.

Luiza Malta
Luiza Malta Leite Pinto é natural do Recife. Ela nasceu no dia 05 de janeiro de 1977. Casada com Victor Pinto, Luiza tem dois filhos: Julia (13 anos) e Luiz de França (9 anos). Em Caruaru, Luiza fincou bases que fizeram se destacasse no mercado. Formou-se em Administração e fez pós-graduação na mesma área a fim de aperfeiçoar ainda mais seus conhecimentos de mercado.

Sua vida profissional foi iniciada no ramo do vestuário, administrando duas franquias, sendo uma na área masculina e outra feminina. As lojas funcionavam em um shopping da cidade. Logo em seguida, resolver dar outro ramo a sua vida profissional, entrando no Grupo Nordeste de Comunicação. Por lá, Luiza Malta atua até hoje, desenvolvendo a função de conselheira.

Marcela Calado
Marcela Calado da Costa Barros Moraes nasceu em Maceió, capital de Alagoas no dia 26 março de 1985. Graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pelo Centro de Ensino Superior de Maceió (Cesmac/AL), em 2007. Em novembro de 2013 casou-se com Luiz Bernardo Moraes com quem tem uma filha. Marcela é apaixonada pela comunicação.

Ela atuou como estagiária no jornal Gazeta de Alagoas. Ainda estudante, apresentou um programa na TV Maceió. Depois foi contratada pela TV Gazeta, afiliada Globo em Alagoas, onde atuou como produtora e editora de texto. Trabalhou como apresentadora do programa Casa e Negócio, da TV Pajuçara, afiliada da Record em Alagoas. Foi assessora da OAB/AL. Em 2012 assumiu o ABTV primeira edição, na TV Asa Branca. Apresentou o programa Bem Você da TV Pajuçara, afiliada Record em Alagoas. Desde novembro de 2016, apresenta o Cotidiano, na TV Jornal Interior.

Marliete Rodrigues
Marliete Rodrigues da Silva nasceu no ano de 1957, no Alto do Moura, em Caruaru. Ela é filha de um dos mestres mais expressivos do barro, Zé Caboclo, discípulo do Mestre Vitalino. O contato de Marliete com a arte do barro começou muito cedo, aos seis anos de idade, quando ela fabricava os próprios brinquedos. Logo em seguida, resolveu fazer brinquedos para vender e, com o dinheiro, comprar outros.

Marliete é uma das artistas mais expressivas, talentosas e valorizadas do Alto do Moura em Caruaru. Seu estilo próprio fez dela uma artista conhecida internacionalmente quando o assunto são as miniaturas feitas em barro. Ela cria com inspiração em passagens da sua vida e do próprio cotidiano compartilhado com os irmãos e também com o pai, desde a infância.

Mauricélia Montenegro
Mauricélia Vidal Montenegro nasceu no interior da Paraíba, mais precisamente em Santana dos Garrotes. Filha de agricultores, ela conseguiu mudar a sua história através da educação. Mudou-se para Campina Grande, onde atuou como feirante e vendedora de pasteis e sonhos para escolas. A partir daí, conseguiu uma bolsa numa das escolas mais tradicionais da cidade.

Cursou Administração na Universidade Federal da Paraíba e fez Mestrado em Economia Política na Universidade Federal de Campina Grande. Atualmente é doutoranda em Administração. Iniciou sua carreira como coordenadora de administração UniFavip, em Caruaru, em 2001. Em 2012 quando a instituição foi adquirida pela Devry Global Education, passou a atuar como diretora regional de cinco instituições nos estados da Paraíba, Pernambuco e Bahia.

Neide Neves
Risoneide Analice Neves, ou simplesmente Neide, como é mais conhecida nasceu em Caruaru no ano de 1968. Devido a gana pela independência, Neide começou a trabalhar desde cedo. Um dos primeiros trabalhos foi como motorista de táxi. Apaixonada pelo volante e pelas estradas, Neide sempre enveredou por esse lado. Ela também traz no currículo a prestação de serviço para empresas de transporte.

Mãe de uma filha, Neide teve de ter coragem para deixá-la sob os cuidados da avó e de uma babá para correr atrás do sustento. Ela já prestou serviços em outros estados como motorista, mas foi voltando para Caruaru que ela se encontrou. Depois de dirigir caminhão de lixo e carreta, Neide hoje é motorista de ônibus, o que, segundo ela, traz muito orgulho para si própria e toda a família.

Raquel Lyra
Raquel Lyra nasceu no dia 02 de dezembro de 1978. Eleita prefeita de Caruaru no ano de 2016, Raquel é formada em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco, com pós-graduação em Direito Econômico e de Empresas. Em 2002, assumiu o cargo de delegada da Polícia Federal, onde permaneceu até 2005. Nesse mesmo ano, foi aprovada para a Procuradoria Geral do Estado.

De 2007 a 2010, foi chefe da Procuradoria de Apoio Jurídico e Legislativo do governo de Eduardo Campos. Raquel também foi eleita duas vezes deputada estadual de Pernambuco pelo PSB. Em 2010 foi a mulher mais bem votada do estado e de Caruaru. No segundo mandato de Campos, foi Secretária da Criança e da Juventude e, em 2014, teve a terceira maior votação do estado para deputada estadual.

Rosimar Lemos
Maria Rosimar de Lemos Lima nasceu em Caruaru no dia 1° de junho de 1979. Desde criança ela se destacou no que diz respeito à luta para conquistar os seus ideais. Sua vida profissional começou com o trabalho de vendedora na Feira da Sulanca. Logo em seguida, Rosimar se destacou como educadora, tendo atuado em várias escolas de Caruaru.

A música sempre foi uma companheira constante na vida de Rosimar. Desde criança ela já demonstrava seu dom nos encontros em família e nas missas em que participava. Ela sempre se inspirou em grandes nomes da música nacional, a exemplo de Elis Regina, Gal Costa, Ângela Maria e Marisa Monte. Para ela, a música é a menor distância entre o homem e Deus.

Rosimery da Apodec
Rosimery Maria da Silva nasceu no dia 08 de novembro de 1968 em Caruaru. De família grande, Rosimery é a terceira filha de um total de nove irmãos. No ano de 1987 uma bala perdida fez mudar o rumo da sua vida. Ela ficou paraplégica. Mas, nem esse obstáculo fez com que ela deixasse de correr atrás dos seus objetivos de vida. Rosimery é formada em Assistência Social, casada e mãe de três filhos.

Foi em busca de orientação que Rosimery fundou a Associação de Pessoas com Deficiência de Caruaru (Apodec). Através dela, além de se ajudar, Rosimery conseguiu dar apoio a muitas pessoas na mesma condição. Hoje a Apodec é referência no que diz respeito aos serviços prestados. No ano de 2013 candidatou-se para o cargo de vereadora de Caruaru, no qual ficou na suplência. Assumiu o mandato no ano de 2015, onde permaneceu por dois anos. Ela foi a primeira mulher cadeirante da Câmara de Vereadores de Caruaru.

Escolas recebem Itinerância do Curta Taquary 2019

O Festival Curta Taquary acredita que educação e cultura são bases que fortalecem os mais diversos povos, por isso, enfatiza o potencial transformador que o cinema pode carregar consigo, ainda mais quando aliado à educação.

É com esse intuito que um dos destaques das programações de todos os anos do festival é a Itinerância nas Escolas, quando percorremos diversas Instituições de Ensino da Terra das Dálias exibindo e discutindo curtas-metragens brasileiros.

O tema central de nossa 12ª edição remete a Identidade e Formação do Povo Brasileiro, e nada melhor que levarmos curtas brasileiros que abordem a temática, sendo eles: o baiano, "Era uma vez tudo verdim", dirigido por Patrícia Alves Dias, Sylvestre Campe, e Nilton Pereira, e o pernambucano, "Fantasia de Índio", dirigido pela Manuela Andrade.

As Escolas Municipais: Sebastião Ferreira de Lima, Ginásio Experimental Severino Pereira da Silva, Chefe Leandro, Pedro de Lira Borges, Professora Gilzenete Guerra, além das estaduais: EREM Severino Cordeiro de Arruda e José Bezerra de Andrade já receberam a caravana itinerante do festival. A Itinerância segue amanhã (15), nas Escolas Padre Ibiapina e Padre José de Anchieta e finaliza na segunda – feira (18), na Escola Francisca Moura Pereira da Silva – CAIC.

Além das exibições dos curtas, a mostra itinerante está promovendo um concurso de desenho (Ensino Fundamental I) e de redação (Ensino Fundamental II e Ensino Médio) cujo tema é: "Nordeste indígena: faces e olhares diversos”, com o objetivo de incentivar a discursão sobre a temática do Festival 2019. Os vencedores ganharão um tablet e certificado de participação.



Saiba mais:

O Festival Curta Taquary é  uma das principais vitrines nacionais de curtas-metragens, e este ano chega a sua 12ª edição entre os dias 22 e 27 de abril com exibições dos curtas em praça pública e escolas, além de oficinas de formação, seminários, debates, laboratório de roteiro e shows musicais.
Serão premiadas sete mostras competitivas, sendo elas: Mostra Brasil: Com temática livre; Primeiros Passos: Para diretores em seus primeiros trabalhos; Dália da Serra: Voltada para filmes produzidos em atividades pedagógicas, projetos de formação e oficinas; Universitária: Direcionada para produções oriundas de alunos de graduação; Diversidade: Filmes que abordem questões de sexualidade e de gênero, em suas mais diferentes formas e perspectivas; Curtas Fantásticos: Filmes de horror, ficção científica e fantasia; Criancine: filmes voltados para o público Infanto Juvenil.
Desde 2005, o Curta Taquary já exibiu em suas 11 edições mais de 1.500 filmes para um público superior a 50 mil pessoas, tornando-se um importante espaço para a difusão da produção audiovisual do Brasil e da América Latina.

O evento é financiado pelo Funcultura, Fundarpe, Secretaria de Cultura e Governo do Estado de Pernambuco e Prefeitura de Taquaritinga do Norte.

Toda identidade visual do festival 2019 vem inspirada em obras do Ilustrador, artista plástico e pesquisador, Bruno Gomes trazendo a inspiração na ancestralidade, tendo como tema central: “Identidade e formação do povo brasileiro”.

Lançado em Caruaru o Balcão Empreendedor

Projeto tem como objetivo orientar as pessoas sobre os desafios de criar e manter os negócios


Caruaru ganhou nesta quinta-feira (14/03) mais um importante aliado para as pessoas que pretendem abrir um negócio ou que já estão no mercado e querem impulsioná-lo: o Balcão Empreendedor. O lançamento aconteceu no Bloco C do Polo Agreste, onde funciona a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Caruaru (Fafica). O projeto foi idealizado por Elias Júnior, contador e pós-graduado em Gestão Empresarial pela Fafica e tem o objetivo aproximar pessoas, orientar, fornecer informações e preparar as pessoas para os desafios do empreendedorismo. “Nós queremos chegar às comunidades pouco assistidas, montar pontos de apoio em cidades da região para fortalecer o empreendedorismo e quebrar paradigmas entre a academia e o mercado de trabalho”, explica Elias Júnior.

O Balcão vai promover orientações para abertura de MEI (Microempreendedor Individual), fazer plantões para dar suporte aos contribuintes sobre o preenchimento da Declaração Anual do Imposto de Renda, capacitar os empreendedores sobre como montar um Plano de Negócios, realizar palestras, minicursos, e treinamentos, todos voltados para a gestão dos negócios. E para atender os bairros e as cidades vizinhas, a equipe irá aos locais com uma unidade móvel com um escritório para facilitar o acesso das pessoas às informações.

Todas as quartas e sextas, serão realizados plantões do empreendedor para o atendimento das pessoas. Mensalmente, o Balcão vai realizar cafés da manhã com empresários já consolidados para uma troca de experiências e apresentação de cases de sucesso para inspirar os novos empreendedores; semanalmente, serão feitas lives nas redes sociais com dicas sobre negócios e divulgação da agenda de atividades. A primeira será sobre o imposto de renda.


Outra novidade que o projeto vai oferecer é a Escola do Empreendedor, que vai trabalhar com escolas e instituições de ensino superior, auxiliando os estudantes para que consigam um espaço no mercado de trabalho. Através de minicursos, eles receberão orientações sobre como montar um currículo e como se portar em uma entrevista de emprego, por exemplo. “Estes alunos serão colaboradores do Balcão Empreendedor e nossa perspectiva é de que empresas parceiras possam recrutá-los e, assim, dar-lhes uma oportunidade de emprego”, ressalta Elias.

O Balcão já tem suas primeiras ações previstas. No dia 30 de março, o empresário Hudson Roza vai ministrar o minicurso “Estratégia de Negociação”, das 8h30 às 12h30, no Bloco C do Polo Agreste (Fafica); e no dia 06 de abril, realiza um Plantão Fiscal, das 9h às 13h, na Academia das Cidades, no bairro do Salgado, em Caruaru. “Temos a certeza de que o Balcão Empreendedor será uma ferramenta reconhecida de auxílio aos empreendedores em seus negócios, buscando sempre atender suas expectativas com foco no crescimento sustentável”, finaliza Elias.